Cururu e siriri terão um novo palco para o 9º Festival

O 9º Festival de Cururu e Siriri, que será realizado entre os dias 23 e 26 de setembro, vai ter num novo espaço: a Arena Cuiabana, que está sendo construída na antiga sede da Acrimat, especialmente projetada pela Agecopa. Os 36 grupos folclóricos de dança do siriri e cantores de cururu, filiados à Federação Mato-grossense …

18/09/2010 16:20



O 9º Festival de Cururu e Siriri, que será realizado entre os dias 23 e 26 de setembro, vai ter num novo espaço: a Arena Cuiabana, que está sendo construída na antiga sede da Acrimat, especialmente projetada pela Agecopa.

Os 36 grupos folclóricos de dança do siriri e cantores de cururu, filiados à Federação Mato-grossense de Cururu Siriri, estão entusiasmados com o espaço para se apresentar, segundo a presidente da entidade, Domingas Leonor. O público, estimado em mais de 200 mil nos quatro dias, vai sentir o conforto de toda infraestrutura preparada para recepcionar, nesse que será um dos maiores eventos culturais deste ano.

O projeto da “Arena Cuiabana”, já dentro da concepção do futuro Fan Park Copa Pantanal 2014, ocupa o antigo espaço da Acrimat. O secretário de Cultura de Mato Grosso, Oscemário Daltro, disse que a transferência de local foi um pedido da Federação de Cururu e Siriri.

A realização do Festival de Cururu e Siriri é da Federação. O governo de Mato Grosso está apenas apoiando com toda logística e oferta desse novo Espaço – que será um dos legados da Copa do Mundo.

O projeto contempla os artistas com um tablado projetado para apresentação de grupos de dança de siriri e cantores de cururu. Além disso está sendo montado uma praça de alimentação para o público, vestiários para os grupos, banheiros químicos e dois pórticos de entrada. Para o evento, junto da arquibancada fixa existente, com capacidade para 8 mil pessoas, serão montados dois módulos de arquibancadas de seis mil cada um. Totalizando uma capacidade 20 espectadores.

O objetivo é valorizar a cultura regional. “O cururu e o siriri é a raiz da cultura de Mato Grosso. Esperamos que o público também se sinta valorizado”.

O secretário Daltro disse que a concepção e o projeto da nova arena é da Agecopa, que atendeu a um pedido do governador Silval Barbosa, no sentido de já ir adaptando o local, como uma preparação para as Copa da Confederação e Copa do Mundo 2014.

O 9º Festival de Cururu Siriri de Mato Grosso vai contar com a participação de 36 grupos folclóricos e vai reunir em torno de 1500 participantes. “Teremos grupos de crianças, jovens e da terceira idade”. Representantes de Cuiabá, Várzea Grande, Cáceres, Santo Antônio do Leverger, Poconé, Nobres, Chapada dos Guimarães, Nova Mutum, Barra do Bugres, Barão de Melgaço e Tangará da Serra.