Penúltimo debate na TV ocorre hoje

Faltando nove dias para as eleições, os candidatos ao governo do Estado participam hoje do debate realizado pela TV Rondon (canal 5), às 21h. Está será a terceira e penúltima vez que os quatro concorrentes se encontram em frente às câmeras antes do dia 3 de outubro. O governador Silval Barbosa (PMDB), o ex-prefeito Wilson …

25/09/2010 09:07



Faltando nove dias para as eleições, os candidatos ao governo do Estado participam hoje do debate realizado pela TV Rondon (canal 5), às 21h. Está será a terceira e penúltima vez que os quatro concorrentes se encontram em frente às câmeras antes do dia 3 de outubro.

O governador Silval Barbosa (PMDB), o ex-prefeito Wilson Santos (PSDB), o empresário Mauro Mendes (PSB) e o administrador Marcos Magno (Psol) confirmaram presença no evento. O último debate acontece na quinta-feira, dia 30, transmitido pela TV Centro América, afiliada da Rede Globo.

Esse debate da TV Rondon gera expectativa porque é o último antes da TV Centro América, que costuma ser mais engessado. No enfrentamento de hoje, Mauro, Wilson e Magno devem partir para o ataque a Silval, que aparece em primeiro lugar nas pesquisas de intenção de votos.

No debate realizado na segunda-feira passada pela TV Record, do grupo Gazeta de Comunicação, os três elevaram o tom das críticas ao governo do Estado na tentativa de levar a disputa para o segundo turno.

Até o momento, todas as pesquisas indicam vitória em primeiro turno de Silval, já que ele apresenta número maior de intenção de votos do que a soma dos outros três candidatos.

O tom mais crítico também é sentido nos programas eleitorais. Mauro, que aparece em segundo lugar nas pesquisas, tem explorado o escândalo do maquinário do governo, onde foi apontado o desvio de R$ 44 milhões na compra de caminhões e outras máquinas que foram distribuídos as prefeituras do Estado; e também tenta associar o nome de Silval ao do ex-bicheiro João Arcanjo Ribeiro. Silval já ganhou diversos direitos de respostas pelo Tribunal Regional Eleitoral.

De forma mais sutil, mas também fazendo críticas, Wilson também bate nas deficiências do governo, especialmente nas áreas de educação, saúde e segurança pública.

No primeiro bloco do debate, todos os candidatos respondem à pergunta ”Por que o senhor quer ser governador de Mato Grosso?”. No segundo e terceiro blocos, os candidatos fazem perguntas entre si.

No quarto bloco, jornalistas farão questionamentos aos candidatos. No quinto bloco, representantes dos setores da economia do Estado, como agronegócio, indústria e setor de serviços e comércio, participam fazem perguntas aos quatro concorrentes. O último bloco fica reservado às considerações finais.