Estado inicia ações para o período chuvoso

O período chuvoso em Mato Grosso se aproxima, uma vez que historicamente tem início em outubro e se estende até o mês de abril do ano seguinte, e com isso aumenta no Estado a possibilidade de riscos adversos relacionados com esta modalidade de fenômeno natural. Como parte das ações preventivas e de preparação para atendimento …

30/09/2010 13:32



O período chuvoso em Mato Grosso se aproxima, uma vez que historicamente tem início em outubro e se estende até o mês de abril do ano seguinte, e com isso aumenta no Estado a possibilidade de riscos adversos relacionados com esta modalidade de fenômeno natural.

Como parte das ações preventivas e de preparação para atendimento aos desastres relacionados a emergências pluviométricas a Casa Militar, por meio da sua Superintendência de Defesa Civil, realizou hoje (30.09), às 09h30, uma reunião preparatória com diversos órgãos do Sistema Estadual de Defesa Civil (Siedec).

O encontro aconteceu no Auditório ‘Governador José Garcia Neto’, anexo ao Salão Nobre do Palácio Paiaguás, e tem o objetivo de discutir e consolidar as estratégias do Plano de Contingência, de forma que os setores envolvidos possam atuar de forma rápida e colaborativa, caso ocorra um desastre ou na sua iminência, respeitando-se as competências de cada agência envolvida diretamente nas ações de resposta e socorro às populações atingidas.

“Normalmente as comunidades mais vulneráveis são aquelas instaladas em áreas de riscos sujeitas a deslizamentos, enchentes, alagamentos e inundações, em áreas periféricas e próximas a rios, córregos e canais”, fez questão de ressaltar o superintendente de Defesa Civil do Estado, major Bombeiro Militar Agnaldo Pereira de Souza.

A Defesa Civil tem aprimorado suas ações preventivas e de respostas a desastres, buscando integrar os órgãos envolvidos para as ações de prevenção, preparação, resposta e reconstrução para cada modalidade de incidente. Assim, conforme a necessidade, poderão disponibilizar recursos para o restabelecimento da normalidade da localidade atingida, de forma a suplementar as ações do Município.

Neste primeiro momento participam as secretarias estaduais: Casa Militar; Casa Civil; Justiça e Segurança Pública (Sejusp); Planejamento (Seplan); Trabalho, Emprego, Cidadania e Assitência Social (Setecs); Infraestrutura (Sinfra); Educação (Seduc); Administração (SAD); Saúde (SES), Comunicação Social (Secom), Meio Ambiente (Sema), Esporte e Lazer (Seel) e MT Regional, além das Coordenadorias Municipais de Defesa Civil (Comdec) de Cuiabá e Várzea Grande.