Prefeito de Chapada demite todo o seu secretariado

Com uma gestão avaliada negativamente pela população, o prefeito de Chapada dos Guimarães (67 km ao Norte de Cuiaba), Flávio Daltro (PP), tomou uma decisão “radical” e pediu para todos os secretários e chefes de seções colocarem os cargo à disposição. Na prática, o chefe do Executivo demitiu todos os ocupantes de cargos de primeiro …

05/10/2010 21:51



Com uma gestão avaliada negativamente pela população, o prefeito de Chapada dos Guimarães (67 km ao Norte de Cuiaba), Flávio Daltro (PP), tomou uma decisão “radical” e pediu para todos os secretários e chefes de seções colocarem os cargo à disposição.

Na prática, o chefe do Executivo demitiu todos os ocupantes de cargos de primeiro e segundo escalões. A notícia foi repassada aos secretários pela manhã, durante reunião ampliada com o prefeito.

Flávio Daltro – que é irmão do vice-governador eleito, Chico Daltro (PP) – confirmou a medida e disse que ela foi tomada em função do baixo desempenho dos seus assessores, no contexto da administração municipal. “Estamos atendendo a um pedido da população chapadense. Se o problema é o desempenho do secretariado, então vamos mudá-lo”, declarou.

O prefeito disse que ainda não sabe quantos dos 15 secretários permanecerão na gestão, mas adiantou que esse número será reduzido para oito. “Estamos por aprovar uma reforma administrativa na cidade e, certamente, os que continuarem comigo terão que se enquadrar nas metas. Caso algum desses fiquem, terão metas para serem cumpridas; senão, serão trocados”, afirmou o republicano.

Daltro vem enfrentando sérios problemas quanto à aceitação de sua gestão perante a população da cidade. Entre as reclamações estão: a baixa qualidade na limpeza pública, existência de um lixão irregular na cidade, que foi alvo de um Termo Ajustamento de Conduta (TAC) junto ao Ministério Público Estadual (MPE), problemas no abastecimento de água, falta de infraestrutura, muita reclamação no atendimento da Saúde, como falta de remédio e profissionais.

“Fomos eleitos com base num plano de gestão e quero que esse plano seja cumprido. Temos que cumprir as promessas feitas na eleição. Chega! Fiz uma reflexão e decidi mudar. A população esperava muito mais”, reconheceu o prefeito.