Silval Barbosa inicia visitas às Secretarias de Estado pela Saúde

O governador Silval Barbosa iniciou nesta quinta-feira (25.11) uma série de visitas as secretarias estaduais de Mato Grosso. A primeira a ser visitada foi a Secretaria de Estado de Saúde (SES). O governador acompanhado do secretário chefe da Casa Civil, Eder Moraes, antes de visitar aos setores da SES, manteve uma reunião de trabalho com …

25/11/2010 15:12



O governador Silval Barbosa iniciou nesta quinta-feira (25.11) uma série de visitas as secretarias estaduais de Mato Grosso. A primeira a ser visitada foi a Secretaria de Estado de Saúde (SES). O governador acompanhado do secretário chefe da Casa Civil, Eder Moraes, antes de visitar aos setores da SES, manteve uma reunião de trabalho com secretário de Estado de Saúde, Augusto Amaral.

“Neste momento, que estamos falando de reestruturação, de incremento, de melhoria na área da saúde – e outras áreas também -, por conta disso, fiz questão de conhecer a estrutura nossa que temos e nossos servidores e aproveitar para ouvir deles o que temos avançados nos últimos anos e o que precisa ser melhorado”, declarou Silval Barbosa.

O governador disse que além de ouvir o secretário, e os adjuntos, é importante ouvir os servidores para ter “uma noção real da estrutura, para dimensionar aquilo que se deseja, aquilo que se pretende melhorar e fazer em cada secretaria. Para isso, nada melhor que conversar com os servidores”. O governador disse que quer fazer isso em todas as secretarias do Estado e manter uma rotina de visitas. “Sei que é impossível visitar todas as secretarias este ano, mas quero conversar com todos os servidores”.

Uma das principais demandas que o governador Silval Barbosa ouviu dos servidores foi a questão do PCCS e a realização de concurso público. O governador disse que “vai abrir o orçamento da SES e vai avançar naquilo que puder avançar”.

Uma das gratas surpresas foi a informação sobre criação da Câmara Técnica para diminuir as demandas judiciais para aquisição de medicamentos que não constam nas resoluções do Ministério da Saúde e da SES, e exigem um investimento de mais de R$ 40 milhões anuais. Por meio da Câmara Técnica a SES abriu um canal de diálogo com o Judiciário, a Defensoria Pública e o Ministério Público no sentido de agilizar a aquisição ou mesmo a substituição dos medicamentos por outros com o mesmo princípio ativo.

O secretário chefe da Casa Civil, Eder Moraes, disse que as visitas do governador começam com as secretarias que ocupam os maiores espaços de governo – seja quanto a questão orçamentária e no atendimento ao público de uma maneira geral – entre as quais se destacam as secretarias de Saúde, de Educação, de Segurança Pública e de Infraestrutura .”Essas visitas, no local de trabalho, ajudam a melhorar a auto estima do servidor. Essa é a filosofia que o governador Silval Barbosa vai implantar no seu governo, nessa relação direta com os servidores”, comentou.

Moraes disse ainda que a reforma administrativa já está quase pronta e que o governador Silval Barbosa está sentindo in loco – para ver se coincide com as necessidades de cada pasta aquilo que está sendo contemplado no projeto de reforma. “É o cuidado que deve ter o gestor e o governador tem essa característica”.

O secretário Augusto Amaral disse que a visita possibilitou ao governador conhecer o servidor da SES e “ver que ele é um abnegado, luta até o fim, da o sangue pela Saúde de Mato Grosso. Silval Barbosa constatou isso, ficou satisfeito com a visita e nós mais ainda”, disse. Segundo Amaral, a visita possibilitou fazer um verdadeiro “Raio-X” da SES.