Comissão de Saúde recebe relatório de orçamento e investimentos da SES

A Assembleia Legislativa debateu e analisou em audiência pública o relatório do orçamento e investimentos da Secretaria de Estadual de Saúde (SES) do 1º, 2º e 3º trimestres de 2010. O presidente da Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social, deputado Guilherme Maluf (PSDB) participou do evento e ouviu as explicações dos técnicos da equipe …

14/12/2010 16:30



A Assembleia Legislativa debateu e analisou em audiência pública o relatório do orçamento e investimentos da Secretaria de Estadual de Saúde (SES) do 1º, 2º e 3º trimestres de 2010. O presidente da Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social, deputado Guilherme Maluf (PSDB) participou do evento e ouviu as explicações dos técnicos da equipe da saúde, sobre todos os dados referentes a 2010.
Conforme os dados, Mato Grosso teve um orçamento acima dos R$ 750 milhões para este ano, sendo que, para 2011, o montante sofreu um acréscimo de 22,34%, com um total orçado em R$ 929.526.717,00 entre gastos e investimentos.

Para o deputado Maluf, o Estado precisa aplicar melhor os recursos, ele reforçou que as audiências públicas servem para debater as propostas, mas que o Governo precisa aplicar as idéias na prática. “Não adianta ficar debatendo melhorias se a realidade é contrária. Temos que cobrar os governantes para investir na saúde”, cobrou Maluf, lembrando a necessidade de investimentos para os Hospitais Regionais de Cáceres e Rondonópolis.

“Os hospitais estão superlotados e necessitam de uma alternativa urgente”, destacou ele. Por outro lado, o secretário estadual de saúde, Augusto Amaral, afirmou que existem emendas parlamentares federais para as obras dos dois hospitais. “Em médio prazo, estas obras devem estar em andamento”, explicou Amaral.

O relatório apresentado pela SES revelou que foram realizadas 114 auditorias. Os balanços mostraram que 46 municípios alcançaram as metas em 50%, alguns, chegando a 69%, enquanto que, 52% ultrapassaram a meta, chegando a 72%.

Ao longo da apresentação do relatório foram mostradas as ações da SES contra a dengue, malária, leishmaniose e hantavirose. Ao todo foram 45.772 análises laboratoriais de saúde pública.