Safra 2010 de café chega a 48 milhões de saca

A produção de café beneficiado no Brasil, chega, na safra 2009/2010, a 48,1 milhões de sacas de 60 quilos, com um aumento de 21,9 % sobre as 39,5 milhões de sacas do ciclo anterior. Em relação à última pesquisa, realizada em setembro, houve crescimento de 1,9%. O resultado é do quarto e último levantamento da …

14/12/2010 12:28



A produção de café beneficiado no Brasil, chega, na safra 2009/2010, a 48,1 milhões de sacas de 60 quilos, com um aumento de 21,9 % sobre as 39,5 milhões de sacas do ciclo anterior. Em relação à última pesquisa, realizada em setembro, houve crescimento de 1,9%. O resultado é do quarto e último levantamento da safra atual, divulgado hoje (14) pela Conab.

O aumento se dá mesmo com redução da área em produção, tendo como aliados a bienalidade positiva, que intercala um ciclo alto e outro baixo, e o clima favorável.

O café tipo arábica, que detém 76,6% da produção total, está projetado para  36,8 milhões de sacas, com um aumento de 27,2% sobre as 28,9 milhões do ano passado. Já o conilon, ou robusta, que representa 23,4% da produção brasileira, terá  11,3 milhões de sacas. A maior produção continua no estado de Minas Gerais, que mantém 52,3% do total nacional, sendo 99% do tipo arábica. O Espírito Santo vem com a produção complementar, que chega a 21,3% da colheita de conilon do País.

Área – A área de café em produção diminuiu 16,3 mil hectares ou o equivalente a menos  0,8%. Passou das 2,09 milhões de hectares, no ciclo passado, para atuais 2,08 milhões. A área plantada está com 90,7% em produção e o restante permanece em formação.

A pesquisa foi realizada no período de 8 de novembro a 3 deste mês, com instituições parceiras da Conab nos principais estados produtores do grão, como Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo, Bahia, Paraná e Rondônia. (Raimundo Estevam/Conab)