Lula participa de cerimônia em MT por videoconferência

 O governador Silval Barbosa (PMDB) abre a cerimônia, em sistema de videoconferência, através da apresentação do programa feita pelo presidente Lula (PT), da Bahia. Estados como Mato Grosso conseguiram ingresso na cota extra do programa habitacional do governo federal após comprovar saúde financeira.  Com o evento, o chefe do Executivo estadual encerra os trabalhos na …

29/12/2010 09:05



 O governador Silval Barbosa (PMDB) abre a cerimônia, em sistema de videoconferência, através da apresentação do programa feita pelo presidente Lula (PT), da Bahia. Estados como Mato Grosso conseguiram ingresso na cota extra do programa habitacional do governo federal após comprovar saúde financeira.

 Com o evento, o chefe do Executivo estadual encerra os trabalhos na gestão estadual contabilizando a marca de mais de 70 mil casas oferecidas para a população mato-grossense. Soma-se a esse quadro as ações implementadas na administração do ex-governador e senador eleito, Blairo Maggi (PR). As casas populares fazem parte do Programa Minha Casa, Minha Vida, que beneficia os estados através de moradias populares.

 O Estado garantiu o benefício em reunião realizada recentemente em Brasília, entre Silval, o deputado federal Wellington Fagundes (PR) e representantes da Caixa Econômica Federal. O parlamentar lembrou a importância da participação no processo do superintendente da Caixa Econômica de Mato Grosso, Ivo Carlos Zecchin, pela “agilidade” nos procedimentos. Ele destacou ainda que a assinatura dos convênios abrem perspectiva para geração de aproximadamente três mil empregos diretos e indiretos.

 De acordo com levantamento preliminar, Várzea Grande receberá por meio dos contratos abertura para conjunto com 990 casas. Rondonópolis assegura, em três conjuntos, 1.104; Sinop o total de 978 e Sorriso, 103 casas.