Dutrinha receberá adequações para jogos da Copa do Brasil

O estádio Presidente Dutra, o Dutrinha, passará por adequações para receber os jogos da Copa do Brasil, que começa no dia 15 de fevereiro, além do campeonato estadual 2011. O diretor de Infraestrutura da Agecopa, Carlos Brito e o novo secretário de Esportes e Lazer, Carlos Antonio Azambuja, visitaram as instalações do estádio para discutir …

05/01/2011 18:46



O estádio Presidente Dutra, o Dutrinha, passará por adequações para receber os jogos da Copa do Brasil, que começa no dia 15 de fevereiro, além do campeonato estadual 2011. O diretor de Infraestrutura da Agecopa, Carlos Brito e o novo secretário de Esportes e Lazer, Carlos Antonio Azambuja, visitaram as instalações do estádio para discutir alternativas para a recuperação emergencial.

O estádio, que pertence à Federação Mato-grossense de Futebol, vai ganhar uma nova arquibancada em estrutura metálica removível sobre a antiga “Geral”, além da melhoria do sistema de iluminação, nos estacionamentos e vestiários. Com isso, o Dutrinha terá uma capacidade de público em torno de 11 mil pessoas, dentro do que estabelece a Confederação Brasileira de Desportos (CBF) para a Copa do Brasil.

Durante a visita, um engenheiro e um arquiteto da Agecopa iniciaram a avaliação técnica das necessidades básicas do Dutra para que os custos de implementação sejam apresentados ao governador Silval Barbosa. Na reunião ficou acertado que a Agecopa atuará em parceria com a Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), através de um termo de cooperação. Dentro das suas atribuições, a Secretaria vai licitar as obras de reforma, contando com apoio financeiro da Agecopa.

O diretor Carlos Brito explicou que para ampliar a capacidade de público será locada uma arquibancada metálica especial, adequada a grandes eventos e capaz de receber até 3 mil pessoas com toda segurança. “Vamos atuar em parceria com a Seel numa pauta de ações que prevê, a médio prazo, a revitalização do Dutrinha e do seu entorno. Emergencialmente, o objetivo é garantir aos clubes locais condições adequadas para mandar seus jogos em Cuiabá, assegurando conforto e segurança aos torcedores”, disse Brito.

O secretário de Esporte e Lazer, Antonio Azambuja destacou a importância da parceria com a Agecopa não só para esta ação emergencial no Dutrinha, mas também para a efetivação de vários projetos de incentivo ao esporte e ao lazer na Grande Cuiabá. “Estamos analisando a estrutura atual da Secretaria e a necessidade de ampliar os recursos humanos e materiais para melhor atender a população no período que antecede a Copa e depois dela, deixando um legado significativo para o esporte no Estado”, disse Azambuja.

DESAPROPRIAÇÃO

O Dutrinha, que no início de 2010 recebeu a primeira reforma emergencial através da Agecopa, deve ser adquirido este ano pelo Governo do Estado. Nesta nova condição, de estádio público, poderá receber recursos e passará por uma grande reestruturação. A Agecopa dará sequência este ano aos entendimentos com o Comitê Organizador Local (COL/Fifa) para que o Dutrinha possa ser usado como Centro de Treinamento reserva durante a Copa de 2014.

Caso o COL aprove a utilização do Dutrinha como Centro de Treinamento (CT), o estádio será fechado para obras em 2012, após a construção do CT de Várzea Grande, que passará a concentrar os eventos do calendário estadual e Copa do Brasil. Participaram também da visita a secretária adjunta de Esportes e Lazer, Janete Carvalho, o ex-secretário da Seel Laércio de Arruda – agora diretor de Eventos Esportivos da Federação Mato-grossense de Futebol (FMF) e o presidente da Federação, Carlos Orione.