Um carregador de baterias ecológico

No começo foi difícil se acostumar com o Charger Eco-1600, um carregador solar para pequenos eletrônicos. Ele é ideal para quem vai para o mato, onde não há eletricidade. Para captar energia do sol, ele precisa ser esquecido próximo a uma janela com bastante claridade. Passa ali alguns dias. Se há muitas nuvens no céu, …

09/01/2011 10:36



No começo foi difícil se acostumar com o Charger Eco-1600, um carregador solar para pequenos eletrônicos. Ele é ideal para quem vai para o mato, onde não há eletricidade. Para captar energia do sol, ele precisa ser esquecido próximo a uma janela com bastante claridade. Passa ali alguns dias. Se há muitas nuvens no céu, suas duas placas solares podem levar até cinco dias para abastecer a bateria interna. A energia do sol se transforma em energia elétrica e pode ser transferida para qualquer dispositivo eletrônico. Junto com o aparelho, há meia dúzia de conectores com plugues diferentes. O carregador tem capacidade suficiente (1.600 miliamperes) para carregar duas vezes a maioria dos eletrônicos pequenos. Testei o Charger Eco-1600 em três celulares de marcas diferentes e em um videogame de mão. Em todos os casos o resultado foi positivo. A energia foi transferida rapidamente. O aparelho é útil para situações de emergência e pode ajudar a manter ligações que seriam interrompidas caso o celular não recebesse uma dose extra de energia. Custa R$ 150.

 ■PONTOS FORTES
Ele é portátil e útil para situações em que falta energia elétrica

■PONTO FRACO
O acabamento do visor digital, que mostra a carga de energia