Chico Daltro fala sobre potencialidades de MT em reunião com embaixador da Alemanha

Na reunião o vice Chico Daltro fez um panorama do processo econômico por qual o estado de Mato Grosso está passando e das perspectivas com os novos investimentos na industrialização do estado.  O vice-governador Chico Daltro reputou a visita do representante alemão como muito importante, não só pelos aspectos econômicos, tendo em vista que foi …

11/01/2011 18:02



Na reunião o vice Chico Daltro fez um panorama do processo econômico por qual o estado de Mato Grosso está passando e das perspectivas com os novos investimentos na industrialização do estado.

 O vice-governador Chico Daltro reputou a visita do representante alemão como muito importante, não só pelos aspectos econômicos, tendo em vista que foi demonstrado grande interesse na questão do agronegócio, mas também pelo grande potencial turístico entre Alemanha e Mato Grosso. Segundo o vice, o embaixador demonstrou preocupação com as questões ambientais e toda a operacionalidade no desenvolvimento da energia limpa, com o imenso potencial de produção de etanol. Daltro ressaltou que além disso foram destacadas as possibilidades de intercâmbio cultural e científico, principalmente entre as universidades públicas federal de Mato Grosso e Unemat.

 “Vamos ter, a partir desta visita do embaixador a Mato Grosso, o encaminhamento de proposições de estreitamento de relações entre Mato Grosso e Alemanha. Temos o pensamento inicial de se colocar o programa que se denomina Cidades Irmãs, fazendo a conexão de uma cidade mato-grossense com uma cidade alemã”, destacou. Quanto ao Ano da Alemanha no Brasil, que será comemorado em 2013, foi definida a intenção de trazer esse evento também para Mato Grosso, que estará inserido em todos os eventos que se dará no Brasil. “É um cenário positivo nas relações entre Mato Grosso e estados alemães”, destacou. Chico Daltro disse que recebeu a incumbência de receber o embaixador por conta de compromissos do governador Silval Barbosa assumidos anteriormente no Estado de São Paulo.

 O embaixador Wilfried Grolig disse que Mato Grosso é um estado com diversos aspectos de cooperação, como foi destacado na área cultural e científica, como também – pelo grande volume de informações que foram repassadas – aprender sobre a agricultura no Estado e os aspectos de industrialização no Estado. O embaixador reconheceu que a Alemanha tem uma relação econômica mais intensa com os estados do Sul, como Santa Catarina, Rio Grande do Sul e São Paulo, mas com a determinação do Governo do Estado em agregar valores os produtos que aqui são produzidos, a Alemanha poderá participar mais intensamente desse processo de industrialização na área de alimentos.

 Atualmente a relação Alemanha-Mato Grosso, segundo o embaixador, se dá na área de turismo. Enquanto Mato Grosso é conhecido na China pela produção da carne e da soja, na Alemanha se conhece o Pantanal mato-grossense. Essa relação turística poderá ampliar com a realização da Copa do Mundo. Lembrando que a Alemanha sediou a Copa de 2006 e poderá transferir tecnologia, como já aconteceu com Africa do Sul que foi sede da Copa de 2010. Para viabilizar o embaixador vai se encontrar com os diretores da Agecopa.

 Durante a troca de presentes, o vice-governador Chico Daltro entregou ao embaixador os livros “Anuário Estatístico 2009” e “Mato Grosso – Território de Oportunidades”, de Vivaldo Lopes, e uma viola de cocho, símbolo centenário da cultura regional mato-grossense. A reunião foi acompanhada também pelo secretário-adjunto de Comunicação, jornalista Onofre Ribeiro.