Governo mobiliza helicóptero do Ciopaer para apoio a resgates no Rio de Janeiro

Uma aeronave do Centro Integrado de Operações Aereas (Ciopaer) irá para a região serrana do Rio de Janeiro para ajudar no resgate das vítimas das enchentes causadas pelas fortes chuvas na região. O Governo Federal, por meio da Força Nacional, solicitou o apoio para o governador Silval Barbosa, que autorizou o envio da aeronave. O …

15/01/2011 17:27



Uma aeronave do Centro Integrado de Operações Aereas (Ciopaer) irá para a região serrana do Rio de Janeiro para ajudar no resgate das vítimas das enchentes causadas pelas fortes chuvas na região. O Governo Federal, por meio da Força Nacional, solicitou o apoio para o governador Silval Barbosa, que autorizou o envio da aeronave.

O helicóptero irá decolar do Hangar do Estado no Aeroporto Marechal Rondon, em Varzea Grande, neste domingo (16.11), às 8h, com uma tripulação composta por piloto, copiloto, dois bombeiros militares e um policial militar.

RIO DE JANEIRO

As chuvas começaram a cair na região Serrana do Rio de Janeiro no inicia desta semana. Segundo informações das prefeituras e do Corpo de Bombeiros da região os números de mortos já chegam a 558. As cidades mais atingidas pelas chuvas foram Nova Friburgo, Teresópolis, Sumidouro, Petrópolis e São José do Vale do Rio Preto. Outros dois municípios também tiveram áreas devastadas: Bom Jardim e Areal.

Esta já é considerada a maior tragédia climática da história do País. O número de vítimas ultrapassou o registrado em 1967, na cidade de Caraguatatuba, no litoral norte de São Paulo. A tragédia, até então, era considerada como a maior do Brasil, quando 436 pessoas morreram