Terezinha leva ouro nos 200 m e Brasil faz dobradinha

A brasileira Terezinha Guilhermina conquistou neste domingo a medalha de ouro nos 200 m, categoria T11 (deficientes visuais), pelo Mundial Paraolímpico de Atletismo, em Christchurch (Nova Zelândia). Depois de quebrar o recorde mundial nas eliminatórias com 24s74, a atleta não conseguiu a mesma façanha, mas venceu com o tempo 24s98. “Esse bicampeonato (campeã em 2006) …

23/01/2011 09:09



A brasileira Terezinha Guilhermina conquistou neste domingo a medalha de ouro nos 200 m, categoria T11 (deficientes visuais), pelo Mundial Paraolímpico de Atletismo, em Christchurch (Nova Zelândia). Depois de quebrar o recorde mundial nas eliminatórias com 24s74, a atleta não conseguiu a mesma façanha, mas venceu com o tempo 24s98.

“Esse bicampeonato (campeã em 2006) foi maravilhoso e estou me sentindo realizada. Ontem eu quis bater o recorde para não sentir tanta pressão hoje”, disse Terezinha, que agradeceu o apoio do guia Guilherme Santana na conquista.

“(A marca de 24s74) é um recorde que estava perseguindo, pois sempre quis correr abaixo de 25s. Muita gente trabalhou comigo para conseguir isso”, completou.

Por sua vez, a acreana Jerusa dos Santos levou a prata e fechou a dobradinha brasileira com a marca de 26s98.

Nascida em Betim, Terezinha também é apontada como favorita nos 100 m e 400. Com quatro medalhas paraolímpicas, a brasileira irá ainda liderar a equipe do País no revezamento 4×100 m.

“Já sou a detentora do recorde dos 100 m e o 400 m é uma prova que tenta me matar todo dia… quem sabe não mato ela dessa vez”, brincou.