Prévia da inflação oficial de janeiro fica em 0,76%

O Índice de Preços  ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), prévia da inflação oficial, ficou em 0,76% este mês. Os preços foram coletados no período de 14 de dezembro de 2010 a 14 de janeiro deste ano. A taxa é superior à registrada na prévia do mês anterior, que foi de 0,69%, e de janeiro de …

26/01/2011 11:02



O Índice de Preços  ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), prévia da inflação oficial, ficou em 0,76% este mês. Os preços foram coletados no período de 14 de dezembro de 2010 a 14 de janeiro deste ano.

A taxa é superior à registrada na prévia do mês anterior, que foi de 0,69%, e de janeiro de 2010, de 0,52%. O dado foi divulgado nesta quarta-feira (26) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O aumento da inflação medido pelo IPCA-15 foi puxado por itens importantes no orçamento familiar, como as tarifas de ônibus urbanos, que tiveram alta de 1,77% e foram o principal fator que contribuiu para a inflação de 14 de janeiro. Outro item que influenciou a alta foi o etanol, que teve aumento de 4,31%, o que contribuiu, inclusive, para um aumento de 0,55% no preço da gasolina.

Outros aumentos de preços que pesaram na alta do IPCA-15 foram os aluguéis, que aumentaram 1,23%, e o condomínio, com 1,28%. Os preços de móveis e eletrodomésticos também contribuíram para a alta, com inflações de 1,07% e 0,56%, respectivamente.

Os alimentos, por outro lado, contribuíram para frear um pouco o IPCA-15, com inflação de 1,21% em janeiro, inferior ao índice de 1,84% de dezembro de 2010. Ainda assim, eles contribuíram com mais de um terço da taxa de janeiro, devido ao seu peso no orçamento familiar.