Jael ex Cuiabá, tem contrato rescindido no Bahia

O atacante Jael, revelado pelo Cuiabá, teve seu contrato com o Bahia rescindido ontem. Ele brigou com o gerente de futebol do clube, André Araújo, na última sexta-feira, quando deferiu um soco na cara do dirigente. O motivo: André queria que o atacante fizesse um exame para detectar a gravidade de uma lesão no púbis …

01/02/2011 09:55



O atacante Jael, revelado pelo Cuiabá, teve seu contrato com o Bahia rescindido ontem. Ele brigou com o gerente de futebol do clube, André Araújo, na última sexta-feira, quando deferiu um soco na cara do dirigente. O motivo: André queria que o atacante fizesse um exame para detectar a gravidade de uma lesão no púbis do atleta. Jael estava fora dos treinamentos ao alegar dores na região. Irritado, ambos tiveram um discussão, quando Jael acabou agredindo o dirigente.
“Acredito que o respeito tem que ser a base de toda a relação. Lamento o desfecho lamentável da saída de Jael do Bahia, mas enquanto estiver aqui, a instituição sempre estará acima de todos os homens, inclusive a mim”, disse o gestor do futebol do clube, Paulo Angioni ao site oficial do Bahia. O jogador deve conceder entrevista somente hoje. Em nota, o Bahia se pronunciou oficialmente. “As duas partes concluíram que o atacante não teria mais clima para permanecer jogando no Bahia, depois do ocorrido na última sexta-feira. Agradecemos os serviços prestados para o clube e desejamos sorte ao jogador Jael na sequência de sua carreira profissional”.