Maior acelerador de particulas do mundo funcionará até 2012

Os experimentos no acelerador de partículas LHC (sigla em inglês de Grande Colisor de Hádrons) continuam até o fim de 2012, sem interrupção, informou a Cern, sigla francesa de Organização Europeia de Pesquisa Nuclear. Antes, o final das atividades estava marcado para este ano. Segundo a Cern, que administra o acelerador, há grandes probabilidades de …

02/02/2011 11:33



Os experimentos no acelerador de partículas LHC (sigla em inglês de Grande Colisor de Hádrons) continuam até o fim de 2012, sem interrupção, informou a Cern, sigla francesa de Organização Europeia de Pesquisa Nuclear. Antes, o final das atividades estava marcado para este ano.

Segundo a Cern, que administra o acelerador, há grandes probabilidades de se chegar a novos achados físicos nos dois anos seguintes.
A maior parte dos trabalhos está centrada na colisão de partículas de prótons, a velocidades muito próximas à da luz, de forma a revelar pistas sobre a formação do Universo.
Um dos experimentos mais aguardados envolve a descoberta (ou não) do bóson de Higgs, apelidado de “partícula de Deus” – a partícula que recebeu o nome do professor escocês Peter Higgs, que tornaria possível a conversão da matéria criada no Big Bang em massa.
O acelerador seria desligado no fim de 2011 para ajustes técnicos e, posteriormente, religado novamente.
No início deste mês havia um plano para prolongar o período de funcionamento do acelerador até 2012, mas foi demovido devido à falta de verbas. A opção, então, é fazê-lo funcionar a baixas energias sem prejudicar o andamento das pesquisas.