Sindecombares-MT faz parceria para cursos

Outro setor que também exigirá investimento na qualificação de mão-de-obra é o de hotelaria e bares. Para isso, o Sindicato dos Empregados no Comércio de Bares, Restaurantes, Churrascarias e Similares – Sindecombares-MT – vem atuando no sentido de fechar parcerias para qualificação de seu pessoal, principalmente de garçons e garçonetes. Já está em fase de …

05/02/2011 09:56



Outro setor que também exigirá investimento na qualificação de mão-de-obra é o de hotelaria e bares. Para isso, o Sindicato dos Empregados no Comércio de Bares, Restaurantes, Churrascarias e Similares – Sindecombares-MT – vem atuando no sentido de fechar parcerias para qualificação de seu pessoal, principalmente de garçons e garçonetes. Já está em fase de conclusão uma parceria entre o Sindicato e a Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia de Mato Grosso – Secitec – para a formação de garçons e curso básico de inglês e espanhol.

A Secitec ficará responsável pela contratação de professores, material didático, avaliação e entrega de certificado. Caberá ao sindicato selecionar os alunos que serão beneficiados e encaminhá-lo à secretaria. Para o presidente do Sindecombares-MT, Sidnei da Silva, a parceria servirá para colocar no mercado de trabalho uma mão-de-obra mais qualificada e ao mesmo tempo dar resposta à questão envolvendo a Copa do Mundo em Cuiabá.

“Esta foi o jeito mais rápido que encontramos para preparar o nosso pessoal não só para a Copa do Mundo, mas também para o próprio mercado cada vez mais exigente de bons profissionais. Outras parcerias estão sendo viabilizadas, já que a procura é muito grande”, disse Sidnei, acrescentando que outros segmentos, como o de cozinha e copa, também serão beneficiados.

IDIOMAS

Um dos cursos com maior procura é o de idiomas. Para isso, a parceria com a Secitec será de fundamental importância. Os cursos [inglês e espanhol] serão bem didáticos, com a colocação de diálogos práticos entre garçon e cliente. “Com isso, o profissional saberá como receber e apresentar o cardápio ao cliente”, concluiu Sidnei da Silva.