Saúde mantém alerta sobre tipo 4

Mato Grosso se mantém em alerta para a possibilidade da entrada do sorotipo 4 da dengue, nova sorologia que já fez vítimas em outras 10 unidades da federação, como Rio de Janeiro e Rondônia. No Estado ainda não se tem a notificação de nenhum caso do novo vírus, mas o aviso de monitoramento foi estendido …

01/04/2011 09:45



Mato Grosso se mantém em alerta para a possibilidade da entrada do sorotipo 4 da dengue, nova sorologia que já fez vítimas em outras 10 unidades da federação, como Rio de Janeiro e Rondônia. No Estado ainda não se tem a notificação de nenhum caso do novo vírus, mas o aviso de monitoramento foi estendido aos 141 municípios mato-grossenses.

“Estamos trabalhando com maior rigor no controle viral e até o momento pelas análises feitas, não presenciamos o tipo 4 no Estado. São com os resultados dessas análises que se faz o trabalho de capacitação, visita e aquisição de insumos”, informou Cláudia Pedroso de Oliveira Nazário, técnica da Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado de Saúde (SES). “As capacitações estão sendo feitas para que o profissional esteja preparado para fazer o diagnóstico precoce”, acrescentou.

Ontem, a SES divulgou os dados sobre os casos da doença registrados no período de primeiro de janeiro a 31 de março. No Estado, já são 4.383 notificações, sendo 17 considerados graves e três óbitos (dois confirmados e um em investigação). No mesmo período do ano passado, Mato Grosso contabilizava 33.926 casos.

Em Cuiabá, constam 591 notificações e sete de casos graves. Porém, apenas um paciente grave é residente da Capital. Os outros cinco são de Tangará da Serra, Nova Brasilândia, Alto Paraguai, Guarantã do Norte e General Carneiro. Um dos casos é de Manaus (AM).

O município de Sinop (503 quilômetros da Capital, ao norte) é o que conta com maior número de casos: 684. Em Várzea Grande, são contabilizados 113 casos da doença. As mortes ocorreram em General Carneiro, Pedra Preta e São José do Rio Claro.

fonte: Diário de Cuiabá