Venda de veículos sobe 10%

O número de veículos emplacados em Mato Grosso chegou a 26,339 mil no primeiro trimestre deste ano. A quantidade é 10,93% superior à que foi registrada no mesmo período de 2010, quando foram contabilizadas 23,744 mil unidades. O destaque foi para a venda de comerciais leves que apresentou o maior aumento entre as todas categorias, …

06/04/2011 13:59



O número de veículos emplacados em Mato Grosso chegou a 26,339 mil no primeiro trimestre deste ano. A quantidade é 10,93% superior à que foi registrada no mesmo período de 2010, quando foram contabilizadas 23,744 mil unidades. O destaque foi para a venda de comerciais leves que apresentou o maior aumento entre as todas categorias, de 18,35%, passando de 2,829 mil para 3,348 mil de um período para outro. No trimestre foram vendidos 8,731 mil autos, ante a 8,299 mil observados em 2010, expansão de 5,21%.

Considerando somente o mês de março, as vendas subiram 0,45%, de 10,329 mil no ano passado para 10,375 mil este ano. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (5) pelo Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos de Mato Grosso (Sincodiv-MT). O presidente da entidade, Paulo Boscolo, explica que, apesar da retomada dos impostos e das mudanças na forma de financiamento, o setor tem oferecido promoções para continuar atraindo clientes. De acordo com ele, as montadoras estão concedendo descontos nas taxas de juros e exigindo menos valor de entrada para financiar o veículo.

O gerente de vendas da concessionária Trescinco, Sérgio Antônio de Oliveira, comenta que o crescimento observado no trimestre foi de 10%. Segundo ele, o valor médio do veículo mais vendido varia de R$ 30 mil a R$ 35 mil. Ele revela que a taxa de juros é de 1,49% ao mês e que o cliente pode financiar o carro totalmente.

Na Soma Veículos, o gerente Adriano Andrade, revela que para atrair o cliente as taxas de juros foram reduzidas chegando a 0,72%. De acordo com ele, os financiamentos podem ser feitos em até 60 meses. “As vendas deste ano superaram as do ano passado”, diz sem divulgar o percentual.

O bancário Thiago José dos Santos pesquisou o mercado antes de comprar o carro zero quilômetro. Segundo ele, as taxas de juros e condições para financiamentos continuam atrativas para o consumidor. No entanto, ele revela que a pesquisa antes da aquisição é a melhor maneira para não pagar caro. “Há muita diferença entre as concessionárias”.

Conforme o levantamento do Sincodiv-MT, os emplacamentos de caminhões e ônibus, no acumulado do ano, aumentaram de 7,62%, subindo de 827 para 890 de um ano para outro.

Motos – Metade dos veículos emplacados no Estado são motos. No primeiro trimestre deste ano foram vendidas 13,370 mil unidades, que representa 50,76% da venda total de veículos. A quantidade é superior em 13,41% a que foi registrada nos primeiros 3 meses de 2010, quando foram comercializadas 11,789 mil motocicletas.

Já em Cuiabá apenas 28,66% das vendas são motocicletas. Neste ano foram vendidas 2,197 mil unidades a um total de 7,666 mil veículos emplacadas entre janeiro e março de 2011.

Para o gerente de uma concessionária de motos, em Rondonópolis, Wilton Juarez de Silva, o poder aquisitivo é determinante na hora das vendas. Ele explica que no interior do Estado a renda familiar é menor do que daqueles que moram na capital.