Eder Moraes é aprovado por unanimidade pelos deputados para presidir Agecopa

Depois de quase três horas de sabatina, os 19 deputados estaduais presentes votaram e aprovaram por unanimidade o ex-secretário-chefe da Casa Civil, Eder Moraes, como novo presidente da Agência Estadual de Execução de Projetos da Copa do Mundo 2014 (Agecopa). A sabatina foi realizada na noite de terça-feira (19.04) na Assembleia Legislativa de Mato Grosso. …

20/04/2011 11:44



Depois de quase três horas de sabatina, os 19 deputados estaduais presentes votaram e aprovaram por unanimidade o ex-secretário-chefe da Casa Civil, Eder Moraes, como novo presidente da Agência Estadual de Execução de Projetos da Copa do Mundo 2014 (Agecopa). A sabatina foi realizada na noite de terça-feira (19.04) na Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

Em seu discurso, Eder Moraes afirmou que assumirá a cadeira com coragem suficiente para fazer as mudanças necessárias nos projetos iniciados pela agência. “Coloquei-me à disposição para assumir este cargo, não para discutir tese, mas para colocar o bloco na rua. E é isso que vou fazer. Vou para lá com determinação e vontade de fazer”, disse Moraes, destacando ainda que a realização da Copa do Mundo de 2014 irá marcar a história de Mato Grosso pelo legado que vai se deixar para as futuras gerações.

Na ocasião, Moraes elogiou a atuação dos atuais diretores da agência e também do ex-presidente da Agecopa, Adilton Sachetti. “O Adilton Sachetti cumpriu sua função enquanto esteve lá. Quero agradecer também o trabalho dos outros seis diretores”, declarou Eder, ressaltando que vai para a Agecopa para somar com a equipe que tem objetivo em comum a Copa de 2014. “Uma andorinha não faz verão, preciso do auxílio dos seis diretores”, afirmou.

TRAJETÓRIA

Durante a sabatina, Eder relembrou a trajetória como funcionário público. “Atuei 16 anos na iniciativa privada e lá comecei como escriturário. No governo fui convidado a integrar a equipe do governo Blairo Maggi, em 2003. Comecei como assessor especial de Maggi, depois fui para a agência MT Fomento, Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) e estou como secretário-chefe da Casa Civil”, disse ele, enfatizando ainda o novo desafio que terá em conduzir os trabalhos de preparar a Capital para os jogos da Copa. “Não vou ficar discutindo teorias. Meu foco é nas obras da Copa do Mundo que inclusive a sociedade quer ver as coisas acontecerem”, pontuou.

MODELO DE TRANSPORTE

Moraes disse que a decisão da escolha modal de transporte sairá em breve e que irá levar em consideração os custos e o valor da tarifa. “Precisamos escolher o melhor para o Estado. Não pensando em lucro econômico, mas em lucro social. Isso é uma política de governo e deve ser definido em conjunto”, afirmou Eder Moraes, destacando os modelos que serão analisados: BRT, VLT, DMU, Monotrilho.

Na oportunidade, o presidente do Assembleia Legislativa, Jose Riva, sugeriu que Eder Moraes faça uma audiência pública para ouvir a população e as prefeituras de Cuiabá e de Várzea Grande sobre o modelo de transporte a ser adotado para a Copa de 2014.

PRESENÇAS

Estiveram presentes na sabatina de Eder Moraes, o vice-governador Chico Dalto, secretários de Estado, ex-deputados, imprensa e população em geral.

 fonte: Secom/MT