Empresas brasileiras participam da rodada de negociações na Agrishow

A rodada de negociações realizada na Agrishow, conta com 18 empresas de 13 países. Fabricantes brasileiros interessados em exportar máquinas e tecnologias, são 40. Cada encontro entre eles dura 30 minutos e pode render um bom negócio. Carlos Pastoriza, diretor da Abimaq relata que a rodada é muito boa para o pequeno fabricante que muitas …

06/05/2011 10:31



A rodada de negociações realizada na Agrishow, conta com 18 empresas de 13 países. Fabricantes brasileiros interessados em exportar máquinas e tecnologias, são 40. Cada encontro entre eles dura 30 minutos e pode render um bom negócio.

Carlos Pastoriza, diretor da Abimaq relata que a rodada é muito boa para o pequeno fabricante que muitas vezes não sabe falar inglês ou tem dificuldade e na rodada acaba tendo uma oportunidade de negociação.

Representante de uma multinacional em Moçambique, Afonso Osório Ofiço ficou impressionado com as tecnologias desenvolvidas no Brasil. Conta que está tentando levar máquinas e implementos agrícolas para o continente africano.

O empresário russo Sergey Sukhovenko conversa com dois brasileiros com a mediação de uma tradutora. O diretor e dono de uma companhia veio em busca de pulverizadores e semeadoras, mas acabou se interessando por muito mais.

Fonte:Portal do Agronegócio