No ranking dos estádios, Cuiabá é a 2ª mais avançada

Sem explicar os critérios técnicos adotados, o Ministério do Esporte divulgou um balanço que mostra quanto evoluiu a construção ou reforma das 12 arenas da Copa de 2014. O levantamento mostra que oito cidades estão em dia com o cronograma estabelecido pela Fifa e tocam as obras em ritmo considerado normal, enquanto as quatro restantes …

03/06/2011 16:58



Sem explicar os critérios técnicos adotados, o Ministério do Esporte divulgou um balanço que mostra quanto evoluiu a construção ou reforma das 12 arenas da Copa de 2014. O levantamento mostra que oito cidades estão em dia com o cronograma estabelecido pela Fifa e tocam as obras em ritmo considerado normal, enquanto as quatro restantes comem grama para cumprir o acordo estabelecido com a federação internacional.

No ranking das mais avançadas figuram Curitiba (45% das obras concluídas), Cuiabá (17%), Salvador (17%), Brasília (15%), Porto Alegre (14%), Recife (8%), Belo Horizonte (8%) e Rio de Janeiro (7%).

Na visão do ministério, mesmo com obras mais adiantadas que outras sedes, Fortaleza (13%) e Manaus (17%) estão entre as retardatárias na corrida pela inauguração das arenas. A lanterninha sobrou para Natal, que não começou a demolir o Machadão, e São Paulo, onde a terraplenagem do Itaquerão teve início apenas na última segunda-feira (30/5).

O levantamento foi apresentado pelo secretário-executivo do Ministério do Esporte, Waldemar Silva Souza, que substituiu o titular da pasta, Orlando Silva, durante seminário realizado pela Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados.

Segundo Souza, a previsão é que os oito estádios “mais adiantados” sejam inaugurados até dezembro de 2012. Assim, estariam credenciados para receber a Copa das Confederações –evento realizado em junho de 2013 para testar a infraestrutura das sedes.

A previsão do ministério é que os quatro estádios “atrasados” devem estar prontos somente em 2013 (Fortaleza em abril, Manaus em junho, Natal e São Paulo em dezembro), estourando o prazo para o ensaio-geral da Copa do Mundo.

Fonte: Portal 2014





Tags: