Estudo: Mães fumantes geram filhos com deformidades físicas

Uma nova pesquisa realizada na universidade College London estudou as anomalias causadas em fetos por mães que fumam durante a gravidez. Mulheres fumantes tem até 50% mais de chance de gerar um filho com deformidades físicas, membros a menos, problemas intestinais, problemas de visão e de crânio, disse a pesquisa. As informações são do jornal …

12/07/2011 14:10



Uma nova pesquisa realizada na universidade College London estudou as anomalias causadas em fetos por mães que fumam durante a gravidez. Mulheres fumantes tem até 50% mais de chance de gerar um filho com deformidades físicas, membros a menos, problemas intestinais, problemas de visão e de crânio, disse a pesquisa. As informações são do jornal britânico The Guardian.

O cigarro já foi ligado a maior risco de aborto espontâneo, nascimento prematuro e bebês abaixo do peso, mas este é o primeiro estudo a verificar a relação entre fumo e deformidades físicas. A equipe de pesquisadores revisou 172 estudos anteriores dos últimos 51 anos que relatavam 174 mil casos de bebês nascidos com problemas físicos. O professor Allan Hackshaw, coordenador da equipe, disse estar preocupado com o número de mulheres que continuam fumando durante a gravidez, especialmente alto entre mulheres com menos de 20 anos de idade.

fonte: Terra