Batalhão de Trânsito capacita policiais das demais unidades da PM

A partir desta quinta-feira (14.07), a Polícia Militar, por meio do Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTran), inicia o trabalho de capacitação de policiais que atuam nas demais unidades da instituição. O objetivo, segundo o comandante do BPMTran, o tenente-coronel Wilson Batista, é qualificar ainda mais os serviços prestados pelos policiais durante as ações …

13/07/2011 14:04



A partir desta quinta-feira (14.07), a Polícia Militar, por meio do Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTran), inicia o trabalho de capacitação de policiais que atuam nas demais unidades da instituição. O objetivo, segundo o comandante do BPMTran, o tenente-coronel Wilson Batista, é qualificar ainda mais os serviços prestados pelos policiais durante as ações de trânsito desencadeadas pelo Batalhão em conjunto com as outras unidades da PM.

Segundo Batista, o processo de capacitação será desenvolvido durante toda quinta-feira de cada semana dos meses de julho até novembro deste ano. Cada palestra, conforme cronograma elaborado pelo Batalhão, contará com a presença de pelo menos cem policiais militares. Numa primeira etapa serão capacitados profissionais atuantes nos Comandos Regionais de Cuiabá e Várzea Grande, CR I e CR II, respectivamente. “Nesse primeiro momento estaremos trabalhando com os policiais da Baixada Cuiabana. Em seguida, vamos elaborar um cronograma para atender os demais comandos do interior do Estado”, afirma.

O tenente-coronel explica que cada palestra terá a duração de quatro horas, sendo realizadas de 8h às 11 horas, no auditório do Departamento de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT), situado no Centro Político Administrativo (CPA). Durante este período os participantes terão acesso a informações e orientações sobre legislação de trânsito e preenchimento dos autos de infração. “Essas orientações vão garantir ao policial total segurança diante de uma situação de trânsito, podendo assim oferecer um serviço com mais agilidade ao cidadão durante as orientações e fiscalizações do tráfego”, salienta Batista.

fonte: Secom