Telescópio registra anel gigante no centro da nossa galáxia

O Observatório Espacial Herschel, uma missão da Agência Espacial Europeia (ESA) e da agência espacial americana (Nasa) divulgou na terça-feira uma imagem que apresenta um anel no centro da nossa galáxia, a Via Láctea. O anel inteiro não havia sido observado anteriormente; apenas pedaços dele haviam sido registrados. O anel parece ser uma fita de …

21/07/2011 08:58



O Observatório Espacial Herschel, uma missão da Agência Espacial Europeia (ESA) e da agência espacial americana (Nasa) divulgou na terça-feira uma imagem que apresenta um anel no centro da nossa galáxia, a Via Láctea. O anel inteiro não havia sido observado anteriormente; apenas pedaços dele haviam sido registrados.

O anel parece ser uma fita de gás e poeira, com mais de 600 anos-luz de diâmetro, e parece estar torcida, por razões que ainda precisam ser explicadas. Pesquisadores acreditam que a origem do anel poderia fornecer informações sobre a história da Via Láctea.

O professor Bruce Swinyard, do Laboratório Rutherford Appleton, do Reino Unido, disse que os detectores do telescópio Herschel são ideais para ver através da poeira que fica entre os nós e o centro da nossa galáxia, e para encontrar o material relativamente frio que compõe o anel. Os novos resultados estão publicados na revista Astrophysical Journal Letters.

A parte azul da imagem, no centro da Via Láctea, mostra o material mais quente (gás e poeira), enquanto a parte vermelha identifica o material mais frio. O anel, em vermelho, tem temperatura de apenas 15º acima do zero absoluto. As regiões brilhantes são mais densas, e incluem alguns locais de grande massa e de formação de estrelas.

Sergio Molinari, do Instituto de Física Espacial de Roma, Itália, é o principal autor do novo estudo e diz que a partir destas imagens “nós temos um novo e emocionante mistério em nossas mãos, no centro da nossa própria galáxia.”

fonte: Terra