Blitz educativa sobre desarmamento acontecerá nos cemitérios de Cuiabá e Várzea Grande

Uma blitz educativa será realizada nesta quarta-feira (02.11), Dia de Finados, em frente aos cemitérios de Cuiabá, Várzea Grande e Poconé, pela Associação de Familiares Vítimas de Violência (AFVV). Nos locais serão distribuídas cartilhas de orientação sobre a Campanha do Desarmamento 2011, lançada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp/MT) em Mato Grosso no …

01/11/2011 10:23



Uma blitz educativa será realizada nesta quarta-feira (02.11), Dia de Finados, em frente aos cemitérios de Cuiabá, Várzea Grande e Poconé, pela Associação de Familiares Vítimas de Violência (AFVV). Nos locais serão distribuídas cartilhas de orientação sobre a Campanha do Desarmamento 2011, lançada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp/MT) em Mato Grosso no último dia 17 de outubro.

As blitz vão acontecer nos cemitérios da Piedade, do Porto e Parque Bom Jesus, em Cuiabá; no cemitério Recanto da Paz, em Várzea Grande; e no cemitério de Poconé. Para o presidente da AFVV, Heitor Geraldo Reyes, o custo das mortes com armas de fogo é muito alto para o Estado, uma vez que as famílias ficam desestruturadas e acabam recorrendo a benefícios do governo. “Os filhos perdem seus pais e acabam sendo criados pela avó ou pela rua. Isso gera mais violência”, observou.

O presidente também entende que a maioria das mortes com arma de fogo tem motivação fútil ou banal. “São armas legais roubadas que estão matando e fomentando o comércio ilegal de armas de fogo”, declarou.

A Associação de Familiares Vítimas de Violência é uma das entidades colaboradora da campanha na mobilização social da população para a entrega voluntária de armas de fogo.

A Campanha do Desarmamento 2011 traz novidades com relação às anteriores: o anonimato para quem entregar a arma, a inutilização do material no ato da entrega e a agilidade no pagamento da indenização.

Em Mato Grosso, 17 municípios possuem unidades de Segurança Pública credenciadas para o recebimento de armas de fogo. São 14 unidades da Polícia Civil, dez comandos da Polícia Militar, além de cinco delegacias da Polícia Federal e oito delegacias da Polícia Rodoviária.

Em Cuiabá e Várzea Grande as armas podem ser entregues nos seguintes locais: Central de Ocorrências da Polícia Civil (avenida Tenente-Coronel Duarte, nº 1044, bairro Centro, Cuiabá); Comando Regional I da Polícia Militar (avenida Historiador Rubens de Mendonça, nº 6135, bairro Novo Paraíso, Cuiabá); Central de Ocorrências da Polícia Civil de Várzea Grande (avenida Filinto Muller, nº 147, bairro Aeroporto) e Comando Regional II da Polícia Militar (avenida Filinto Muller, nº 538, bairro Centro, Várzea Grande).

No interior do Estado, as armas podem ser entregues nas delegacias e comandos regionais das polícias Civil e Militar dos municípios de Água Boa, Alta Floresta, Alto Araguaia, Barra do Garças, Cáceres, Cuiabá, Diamantino, Juína, Pontes e Lacerda, Porto Alegre do Norte, Primavera do Leste, Rondonópolis, Sinop, Sorriso, Tangará da Serra, Várzea Grande e Vila Rica.

O cidadão receberá, no ato da entrega voluntária da arma, um protocolo gerado pelo Sistema ‘Desarma’, da Polícia Federal, com qual poderá receber o valor da indenização correspondente à entrega da arma de fogo em qualquer caixa eletrônico do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal.

O valor do reembolso varia de 100 a 300 reais por arma de fogo, dependendo do tipo e calibre. Mais informações sobre a Campanha do Desarmamento em Mato Grosso podem ser conferidas pelos links:

http://www.seguranca.mt.gov.br/desarmamento.php?IDCategoria=2857

http://www.seguranca.mt.gov.br/desarmamento.php?IDCategoria=2858

http://www.seguranca.mt.gov.br/desarmamento.php?IDCategoria=2868

Outras informações da Campanha Nacional do Desarmamento pelo sitehttp://www.entreguesuaarma.gov.br

Fonte:Secom/MT