Secopa apresenta Termo de Referência para obras do VLT

O governador Silval Barbosa e o secretário-extraordinário da Copa do Mundo, Eder Moraes, apresentam nesta sexta-feira (02.12), às 15h, na sede da Secopa, as informações sobre o Termo de Referência (TR) para o processo de contratação pelo Regime Diferenciado de Contratação (RDC) dos projetos, licenças ambientais e obras de implantação do Veículo Leve sobre Trilhos …

02/12/2011 10:20



O governador Silval Barbosa e o secretário-extraordinário da Copa do Mundo, Eder Moraes, apresentam nesta sexta-feira (02.12), às 15h, na sede da Secopa, as informações sobre o Termo de Referência (TR) para o processo de contratação pelo Regime Diferenciado de Contratação (RDC) dos projetos, licenças ambientais e obras de implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

A apresentação da TR será feita para representantes do Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual, Advocacia Geral da União, Tribunal de Contas do Estado, Tribunal de Contas da União, Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Auditoria Geral do Estado, Prefeitura de Cuiabá e Prefeitura de Várzea Grande, Câmara Municipal Cuiabá e Câmara Municipal de Várzea Grande. “Todos os entes públicos terão a oportunidade de contribuir para aperfeiçoar este projeto que resultará na implantação de um moderno sistema de transporte, com qualidade, rapidez e segurança para toda a população”, disse Eder Moraes.

VLT

A implantação do VLT redesenhará o tráfego nas principais avenidas de Cuiabá e de Várzea Grande (VG) e proporcionará melhor qualidade e segurança no trânsito das duas maiores cidades mato-grossenses.

O VLT será implantado no canteiro central nos itinerários CPA – Aeroporto e Coxipó – Centro. O volume de ônibus que circulam pelas avenidas será reduzido quando o novo modal entrar em operação. Os veículos alimentarão o sistema de VLT, trazendo os passageiros dos bairros até uma das 30 estações do metrô de superfície, que ficarão ao lado dos trilhos no canteiro central.

O edital para contratações dos projetos e execução das obras do VLT será publicado nas próximas semanas. O modal está orçado em R$ 1,2 bilhão, recursos que serão obtidos por meio de empréstimo junto à Caixa Econômica Federal.

Fonte:Secom/MT