Confiança do consumidor bate recorde em fevereiro

A confiança do consumidor paulistano atingiu em fevereiro o maior índice desde agosto de 2010, 170,1 pontos. O  mais alto era de 164,5 pontos, segundo levantamento da Fecomercio (Federação do Comércio de Bens, Serviço eTurismo do Estado de São Paulo). O indicador deste mês também foi melhor que janeiro, que chegou a 158,3 pontos. A satisfação …

28/02/2012 09:00



A confiança do consumidor paulistano atingiu em fevereiro o maior índice desde agosto de 2010, 170,1 pontos. O  mais alto era de 164,5 pontos, segundo levantamento da Fecomercio (Federação do Comércio de Bens, Serviço eTurismo do Estado de São Paulo). O indicador deste mês também foi melhor que janeiro, que chegou a 158,3 pontos.

A satisfação dos consumidores com o momento atual, assim como suas expectativas, apresentaram significativos avanços em seus níveis de confiança. O item que mais contribuiu para a evolução do indicador foi os consumidores com idade superior a 35 anos ao expandir seu nível de otimismo em 14,9% frente a janeiro. Destaca-se também a elevação da confiança dos consumidores com renda inferior a dez salários-mínimos que apresentou alta de 11,9%.

Em relação à percepção futura dos paulistanos, o indicador teve 5,6% ao saltar de 162,6 pontos de janeiro para 171,7 pontos em fevereiro. Para a assessoria técnica da Fecomercio-SP, o desempenho do mercado de trabalho vem se consolidando como o fator preponderante para a percepção favorável em relação ao cenário econômico.

“O crescimento da massa salarial ganhou força nos últimos meses com a estabilização do emprego em baixos patamares e aumento reais das pessoas ocupadas, principalmente neste período do ano onde já entra em vigor o reajuste do salário mínimo, o que impulsionou ainda mais o ânimo dos consumidores em fevereiro”, destacou a entidade.

Fonte:DGABC