Presos mantém agentes penitenciários reféns há 17 horas em SE

16/04/2012 08:57



Mais de 400 detentos estão rebelados desde a tarde de domingo (15) no Complexo Penitenciário Advogado Antônio Jacinto Filho, no bairro Santa Maria, em Aracaju (SE). Ao menos três agentes penitenciários são mantidos reféns.

A rebelião começou durante o horário de visita, por volta das 14h. Os detentos armados –com facas de fabricação caseira e escopetas furtadas de uma sala de arma do presídio– renderam familiares e agentes penitenciários. Segundo a Polícia Militar, os familiares foram liberados pelos rebelados.

Durante a rebelião, os presos atearam fogo em colchões e danificaram janelas e móveis. Segundo a Polícia Militar, os rebelados também agrediram os agentes penitenciários mantidos reféns e mataram um cachorro que auxiliava na segurança do presídio.

Um negociador da PM, o juiz da vara de execuções, pessoas ligadas a defesa dos direitos humanos eequipes da Companhia de Rádio Patrulha, do CPTran (Policiamento de Trânsito) e Tropa de Choque estão local. As negociações entraram pela madrugada sem nenhum acordo com os rebelados e continuam nesta manhã, segundo a polícia.

De acordo com a PM, os presos pedem a demissão do diretor do presídio, melhoria na comida, revisão dos processos e o fim de supostas agressões praticadas por agentes penitenciários.

Fonte:Floripa





Tags: