BB corta juro pela 3ª vez em 30 dias

05/05/2012 13:23



O BB (Banco do Brasil) anunciou ontem mais um corte nas suas taxas de juros. É a terceira redução em apenas um mês. Desta vez, as mudanças incluem novas taxas para pessoa física, lançamento e reformulação de linhas de crédito que contam com garantia de imóveis ou veículos, além de simplificação da portabilidade de crédito. De acordo com a instituição, as reduções valem para quem possui conta-salário no banco e aderiu aos pacotes de serviços Bom para Todos – há novidades também para quem não recebe o salário na entidade. Neste caso, o cliente terá de oferecer imóvel ou veículo como garantia.

A queda mais expressiva ocorre na segunda modalidade de crédito com juros mais altos: o cheque especial, que fica atrás apenas do cartão de crédito. A partir de segunda-feira, o limite da conta-corrente do BB ficará 52,6% mais barato para os clientes que recebem salário pelo banco e têm pacotes de serviços. Os juros caíram de 8,31% para 3,94% ao mês, taxa única.

Outra diminuição foi nas linhas de crédito pessoal (CDC Automático e CDC Renovação), que tinham taxa máxima de 5,79%, e agora terão teto de 3,94% ao mês. “Com essas novas reduções, os clientes pessoas físicas que aderirem aos pacotes Bom para Todos não pagarão mais do que 3,94% ao mês em nenhuma modalidade de crédito pessoal no Banco do Brasil”, afirmou o vice-presidente de negócios de varejo do BB, Alexandre Abreu.

CRÉDITO COM GARANTIA – Os clientes que não recebem seus salários pelo BB também terão acesso a juros mais baixos, desde que deixem imóvel próprio como garantia para o pagamento da dívida. Neste caso, o crédito para pessoas físicas terá juros reduzidos entre 1,52% e 1,6% ao mês, prazo de pagamento de até 180 meses, avaliação simplificada do valor do imóvel e liberação do crédito em até cinco dias úteis a partir da entrega da documentação. O público-alvo são pessoas físicas com renda acima de R$ 6.000.

Aqueles que não possuem imóvel próprio, ou que tenham renda inferior a R$ 6.000, poderão optar por fazer empréstimo valendo-se de seu veículo usado. Para esta linha de crédito, o BB reduziu os juros de 3,20% para 1,58% ao mês (taxa média). O limite financiável será de até 70% do valor do veículo oferecido em garantia, com prazo de até 58 meses e liberação imediata do crédito após aprovada a operação. Essas linhas entrarão em vigor até o dia 27.

PORTABILIDADE – O BB anunciou também mecanismo para facilitar e agilizar a portabilidade de crédito para veículos. Os interessados em transferir financiamentos para o banco precisarão apenas atualizar o cadastro, para que seja estabelecido o limite de crédito, e solicitar a transferência da dívida. O BB providenciará a liquidação do saldo devedor junto.

BMG- O Banco BMG também anunciou a redução das taxas de juros de todas as linhas de financiamento. A partir de segunda-feira, os clientes encontrarão taxas de 7% a 12% menores do que as praticadas atualmente.

Fonte:DGABC





Tags: