Confiança do comércio recua 2,4% no tri até maio ante 2011

05/06/2012 10:12



O Índice de Confiança do Comércio (Icom) recuou 2,4 por cento na média do trimestre encerrado em maio na comparação com o mesmo período do ano passado, ao passar de 130,6 para 127,4 pontos, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV), nesta terça-feira.

O resultado, entretanto, indica melhora em relação ao trimestre findo em abril, quando a confiança do comércio atingiu 126,8 pontos .

“O resultado sinaliza que o nível de atividade do setor volta a se aquecer moderadamente no segundo trimestre de 2012”, afirmou a FGV em nota.

De acordo com a FGV, a melhora das comparações interanuais foi influenciada, principalmente, pelo resultado do varejo.

O Varejo Restrito registrou queda de 1,2 por cento no trimestre encerrado em maio na comparação com o mesmo período do ano passado, ante queda de 4,5 por cento em abril.

No Varejo Ampliado, que inclui os setores de veículos, motocicletas, partes e peças, a confiança diminuiu 2,3 por cento no índice trimestral até maio, após redução de 4,5 por cento nos três meses até abril.

No Atacado, o indicador de confiança apresentou recuo de 2,6 por cento no trimestre até maio, após baixa de 4,3 por cento nos três meses até abril.

O Índice de Situação Atual (ISA-COM) médio -que mede a percepção do setor em relação à demanda no momento atual- registrou nível idêntico ao do mesmo período do ano anterior, a 99,5 pontos. Nos três meses até abril, houve queda de 3,7 por cento.

Na média do trimestre findo em maio, 19,6 por cento das empresas consultadas avaliaram o nível atual de demanda como forte e 20,1 por cento, como fraca. No mesmo período de 2011, estes percentuais haviam sido de 19,9 e 20,4 por cento, respectivamente.

Fonte:Reuters





Tags: