Maggi lança cartilha do MT Legal e Marca Turística

Mato Grosso agora também tem sua marca turística. O tuiuiú, ave característica do pantanal mato-grossense, o sol do Araguaia, o azul das lagoas naturais de Nobres, a soja representando toda potencialidade agrícola e ainda o Cerrado compõem a marca lançada pelo governador do Estado, Blairo Maggi. O Governo do Estado apresentou também à imprensa, a …

26/03/2010 17:13



Mato Grosso agora também tem sua marca turística. O tuiuiú, ave característica do pantanal mato-grossense, o sol do Araguaia, o azul das lagoas naturais de Nobres, a soja representando toda potencialidade agrícola e ainda o Cerrado compõem a marca lançada pelo governador do Estado, Blairo Maggi.

O Governo do Estado apresentou também à imprensa, a cartilha do MT Legal (Programa Mato-grossense de Regularização Ambiental Rural), que traz informações sobre o programa: como participar, quais as vantagens e a importância das licenças ambientais. Cerca de dez mil exemplares do informativo já foram distribuídos às entidades representativas de classes do setor produtivo. A partir deste lançamento, a distribuição será ampliada para todos os segmentos envolvidos com licenciamento ambiental de propriedades rurais.

Além de destacar a importância da Marca, que materializa a imagem do Estado,  e da cartilha para o Mato Grosso, Blairo Maggi agradeceu aos profissionais do jornalismo pela atenção, carinho, respeito e compreensão nestes anos em que esteve à frente do governo. “Em nenhum momento destes sete anos e três meses tive atrito com qualquer jornalista, sempre me trataram com muito carinho, muito respeito, nunca houve ataques pessoais”, lembrou o governador ao dizer que a relação com a imprensa sempre foi aberta.

“Se você (personagem foco da matéria) tem que contestar alguma coisa você tem o espaço, o direito e tem tempo para falar e é isso que gera a tranquilidade e respeitabilidade conosco”, completou Maggi que se desculpou pelas vezes que não pode dar mais atenção ao profissional devido à pressão da função de governo ou para não chegar atrasado nos compromissos. “Peço desculpas se alguma vez fui rude ou não dei a atenção que vocês mereciam”, afiançou o governador.

Para o editor de Política do Jornal Folha do Estado, Luiz Acosta, que desde 1980 atua na cobertura política, na relação com a imprensa, Blairo Maggi conseguiu ser melhor que seus antecessores contrariando quem acreditava que por ter vindo da iniciativa privada não teria “traquejo” para lidar com os holofotes. “(Ele) sempre soube respeitar o trabalho que a imprensa faz. Uma parceria muito forte que tem de ser ressaltada”, salientou Luizão, como é mais conhecido o jornalista.

O secretário de Estado de Comunicação Social, Osmar de Carvalho, há três meses na gestão da pasta, comentou que no período que acompanhou de fora pode observar que a relação foi sempre de respeito. “A imprensa sempre teve liberdade para colocar, fazer o seu trabalho, mas com uma relação de respeito muito grande com o governo de Mato Grosso, denunciando quando tem que denunciar, cobrando quando tem que cobrar, mas principalmente colaborando e cobrando caminhos para o Governo. Sem dúvida, uma relação de ganhos para ambos os lados”.
Participam ainda do lançamento, o vice-governador Silval Barbosa, o secretário-extraordinário de Políticas Ambientais e Fundiárias de Mato Grosso (MT Legal), Vicente Falcão, secretária de Estado de Turismo, Vanice Marques, e secretário-adjunto de Comunicação Social, Onofre Ribeiro.

 

(Fonte: SEDTUR)