Culturas da mamona e feijão ganham normas de zoneamento agrícola

Portal Agronegócio O zoneamento agrícola para o cultivo da mamona, safra 2010/2011, foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (05/04) As normas contemplam os seguintes estados: Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Rio Grande do Sul, São Paulo, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Tocantins e Minas Gerais. O Rio Grande …

06/04/2010 17:59



Portal Agronegócio

O zoneamento agrícola para o cultivo da mamona, safra 2010/2011, foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (05/04)

As normas contemplam os seguintes estados: Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Rio Grande do Sul, São Paulo, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Tocantins e Minas Gerais. O Rio Grande do Sul foi contemplado com o estudo para a 1ª safra da cultura do feijão, de acordo com a Portaria Nº 91. 

A mamona destaca-se pelas várias aplicações do óleo extraído de suas amêndoas, cujos teores variam de 43% a 49%, dependendo da variedade e da região. A planta apresenta tolerância à seca sendo uma boa alternativa  de cultivo em diversas regiões do País. Apenas o excesso de umidade é prejudicial durante o ciclo da cultura. Já o feijão não suporta geada em nenhuma fase do ciclo de desenvolvimento e é sensível ao calor em qualquer estágio.

O zoneamento agrícola tem como objetivo identificar as áreas aptas e os períodos de semeadura com menor risco climático para o cultivo de cada variedade.