Riva fala sobre projetos para Cuiabá e Mato Grosso

Riva lembrou que, apesar das possibilidades econômicas locais serem positivas em vista às demais nacionais, muito tem que ser aprimorado para que a cidade possa ampliar o desenvolvimento socioeconômico, a exemplo da situação do transporte coletivo. O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) foi defendido pelo parlamentar, tendo em vista que a matéria que o implementa …

08/04/2010 01:45



Riva lembrou que, apesar das possibilidades econômicas locais serem positivas em vista às demais nacionais, muito tem que ser aprimorado para que a cidade possa ampliar o desenvolvimento socioeconômico, a exemplo da situação do transporte coletivo.

O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) foi defendido pelo parlamentar, tendo em vista que a matéria que o implementa é de autoria de Riva e deve promover a integração e eficácia do sistema de transporte coletivo, sem custo à Prefeitura de Cuiabá e ao Estado de Mato Grosso.

“Venho aqui mais uma vez ratificar meu posicionamento em favor do VLT em Cuiabá. Vamos sediar jogos de uma Copa do Mundo e temos uma grande possibilidade de desenvolvimento econômico, mas tudo isso com respaldo dos serviços públicos”, destacou Riva.

Um documento será formatado e entregue ao governador Silval Barbosa (PMDB)até sexta-fera para que um estudo seja realizado sobre o custo-benefício desse tipo de transporte.

“Além de proporcionar um alternativa para desafogar o trânsito em Cuiabá, vai implementar uma tarifa mais barata aos usuários do transporte coletivo”.

Outro assunto abordado por Riva foi o subsitutivo integral 03, ao projeto de lei que trata do Zoneamento Socioeconômico e Ecológico. O deputado defendeu a matéria votada em primeira votação em março de 2010, com pontos como questão da cana, área de reserva ambiental marcada e delimitada, e área indígena especificada.

“Se há um atividade que pode gerar emprego e renda, nesse momento, em Mato Grosso, é o plantio de cana-de-açúcar nas áreas já desmatadas, em áreas de pastagens já antropizadas há mais de 10 anos” lembrou o deputado, que encerrou falando sobre os rumos do PP em Mato Grosso.