Autoridades confirmam identidades de vítimas de MT

Os corpos das vítimas da queda de um ultraleve em Três Forquilhas, Adalberto Padilha Silveira, 49 anos, e de Joana D’Arc Chaves, nascida em 1972, foram encaminhados ao Departamento Médico Legal (DML) de Osório, no Litoral Norte, no final da tarde da sexta-feira. Eles foram encontrados pela manhã e resgatados durante a tarde em um …

05/06/2010 14:14



Os corpos das vítimas da queda de um ultraleve em Três Forquilhas, Adalberto Padilha Silveira, 49 anos, e de Joana D’Arc Chaves, nascida em 1972, foram encaminhados ao Departamento Médico Legal (DML) de Osório, no Litoral Norte, no final da tarde da sexta-feira.

Eles foram encontrados pela manhã e resgatados durante a tarde em um local de difícil acesso no Litoral Norte. Pelo menos um familiar de Silveira se deslocava hoje em direção ao Estado para buscar o corpo.

O Comando Regional dos Bombeiros de Tramandaí recebeu contato do irmão de Silveira durante o dia. Ele viajaria de avião do Mato Grosso, Estado das vítimas, até o Rio Grande do Sul.

O ultraleve decolou às 12h45min de Canela para participar do 10° Encontro Nacional de Ultraleves, em Torres, de 3 a 6 de junho. O alerta de socorro foi feito por volta das 14h15min do dia 3 de junho. O avião teria sofrido “perda da potência do motor”.