Dia dos Namorados: a terceira melhor data para o comércio

Terceira melhor data para o comércio varejista no ano, ficando atrás apenas do Natal e Mães, o Dia dos Namorados de 2010 deverá ser um dos mais atrativos dos últimos anos para o comércio. A expectativa de crescimento para o comércio é de 11% em relação ao ano passado e de 20% nos shoppings. O …

12/06/2010 09:05



Terceira melhor data para o comércio varejista no ano, ficando atrás apenas do Natal e Mães, o Dia dos Namorados de 2010 deverá ser um dos mais atrativos dos últimos anos para o comércio. A expectativa de crescimento para o comércio é de 11% em relação ao ano passado e de 20% nos shoppings. O principal destaque ficará para o setor de vestuário, seguido por calçados, perfumaria e joias.

Nas vitrines, as novidades e lançamentos da nova coleção da estação já estão estampadas há dias para aguçar ainda mais o impulso às compras. Dentro das lojas, a decoração para o Dia dos Namorados se confunde com os enfeites alusivos à Copa do Mundo. Duas datas, dois eventos, porém, o foco é um só: chamar à atenção do consumidor para o que as lojas têm de melhor para não deixar escapar a oportunidade de venda em um momento importante para o comércio.

“Apostamos nas duas datas para fecharmos com sucesso nossas vendas do primeiro semestre”, afirma Paulo Fernandes, gerente de uma loja de confecções em Cuiabá. A expectativa da empresa é encerrar o primeiro semestre com crescimento de 15% em relação a 2009. “Este ano tudo está colaborando, até mesmo o clima de Cuiabá está ameno e convidativo para encontros românticos”, diz.

Nas ruas, o toque de decoração das lojas chama atenção até mesmo do consumidor menos atento. “Acho que o que vale mais nesta hora é um trabalho de decoração bem feito para despertar a atenção do cliente. Aí ele acaba entrando na loja e nunca sai de mãos vazias”, afirmam os vendedores.

COMO COMPRAR – Se a tentação é grande, o consumidor deve ficar atento sobre como comprar para não cair no endividamento. Afinal, em datas com forte apelo emocional, como o Dia dos Namorados, é que os consumidores não resistem ao glamour das lojas e acabam gastando mais do que pretendiam.

Vale à pena lembrar que, antes de presentear é preciso fazer uma pesquisa para encontrar bons preços e oportunidades, levando em conta o orçamento e a programação financeira. Para que os apaixonados presenteiem seus amores e não se endividem com isso, o Programa Consumidor Consciente da MasterCard preparou orientações para os namorados.

A primeira dica diz respeito ao planejamento das compras. Antes de sair de casa, deve-se estabelecer um valor para o presente, evitando compras por impulso e arrependimentos futuros.

Cartões virtuais, bombons, flores e cestas de café da manhã, são algumas dicas econômicas e infalíveis. A pessoa deve usar sua criatividade no presente e na embalagem, afinal não é o valor do presente que representa o tamanho nem a intensidade dos sentimentos.

Nas compras online, é preciso certificar-se de que o site tem boa infraestrutura de segurança, uma vez que será preciso informar dados pessoais.

Antônio Fernando De Júlio, instrutor do programa MoneyFit, lembra que se uma pessoa tem uma reserva que pode ser usada para dar um presente, deve escolher bem o que vai dar para o seu amor. O MoneyFit, além de ensinar cada pessoa a poupar, prepara as pessoas para identificar as grandes oportunidades de negócios, como se posicionar em relação aos “altos e baixos” da vida.

“Procure por boas ofertas, fuja da tentação de comprar na primeira loja que aparecer, veja se a loja pode dar um bom desconto à vista e faça sua compra. Se for oferecer um jantar romântico, procure fazer uma reserva antecipada para não ficar horas na porta até ser atendido”, orienta.

Em relação às roupas e afins, lembra que o número de trocas nas lojas após datas comemorativas é muito alto, principalmente nas de roupas e calçados, e às vezes isso poderia ser evitado com uma simples conversa. “Muitas pessoas confundem o que gostariam que seu par usasse com o que ele gostaria de usar. Mas, seja qual for a situação financeira de cada pessoa nessa data, o mais importante é surpreender a pessoa amada, reconquistar um grande amor e até mesmo ganhar um novo companheiro”, diz.