Governador Silval Barbosa participa de reunião em Brasília e consegue mais 500 ônibus para transporte escolar

BRASÍLIA/DF – O governador Silval Barbosa assegurou  no Ministério da Educação (MEC), a aquisição de 500 ônibus para servir alunos e professores das escolas da rede rural do Estado, e ainda 2 mil aparelhos de ar condicionado para climatização de mil salas de aula, numa reunião com o secretário executivo do MEC, José Henrique Paim …

18/06/2010 09:36



BRASÍLIA/DF – O governador Silval Barbosa assegurou  no Ministério da Educação (MEC), a aquisição de 500 ônibus para servir alunos e professores das escolas da rede rural do Estado, e ainda 2 mil aparelhos de ar condicionado para climatização de mil salas de aula, numa reunião com o secretário executivo do MEC, José Henrique Paim Fernandes,  em Brasília.

“Este é um programa já consolidado. É um compromisso do governo do Estado em dotar de melhores condições a rede rural de ensino. Isso implica em melhores condições para alunos e professores e, naturalmente, vai refletir na melhoria da qualidade do ensino”, afirmou o governador Silval Barbosa.

Serão 250 unidades adquiridas com recursos do Estado e 250 pelo Ministério da Educação, pelo Programa “Caminho da Escola”, uma parceria do Governo Federal com os governos estaduais.

A compra dos ônibus e dos aparelhos de ar já havia sido tratada pelo governador, em audiência com o ministro da Educação, Fernando Haddad, em abril deste ano.  José Henrique, que recebeu hoje o governador para a efetivação dos convênios, garantiu que, no máximo em 90 dias os ônibus chegarão a Mato Grosso. Todos os ônibus são adaptados para transporte de pessoas com defiência.

Os veículos serão de 23, 31 e de 44 lugares, padronizados pelo Imetro e a Universidade de Brasília, e serão distribuídos de acordo com a necessidade de cada município. Conforme o deputado federal Carlos Abicalil, que acompanhou o governador Silval Barbosa juntamente com o colega de bancada, deputado Wellington Fagundes, 168 ônibus – dos 250 do governo federal -, serão adquiridos com uma emenda de R$ 26 milhões.

CLIMATIZAÇÃO

Com relação ao programa de climatização das escolas, o governador Silval Barbosa disse que mil salas de aula já estão climatizadas faltando atender 5,8 mil salas. A rede de ensino estadual conta hoje com 715 escolas.

O programa completo de climatização demanda recursos de R$ 80 milhões, envolvendo projetos de reestruturação das redes interna e externa, compra dos aparelhos de ar condicionado e instalação.

Como a maioria das escolas possui ainda estrutura antiga, para a instalação de ar condicionado é preciso refazer a rede elétrica interna com o sistema bifásico ou trifásico, trocar fiação, interruptores e também instalar geradores na rede externa de fornecimento da energia.

Todas as escolas do Estado possuem ventiladores, mas apenas mil salas já estão equipadas com ar condicionado, nas cidades e na zona rural. “O maior problema é a estrutura existente na rede elétrica para atendermos a todas as escolas, mas vamos resolver, mas o problema vai acabar, porque as novas escolas já estão climatizadas e as próximas a serem construídas também já serão inauguradas dentro do padrão”, garantiu Silval.