Ser careca pode significar mais saúde

Uns podem até dizer que não ligam, mas o fato é que gostar de ser careca, na verdade, ninguém gosta. Entretanto, por outro lado, a falta de cabelo pode significar mais saúde para os homens. Pelo menos é isso que defende um estudo feito pela Universidade de Washington School of Medicine. Segundo ele, os calvos …

23/06/2010 12:04



Uns podem até dizer que não ligam, mas o fato é que gostar de ser careca, na verdade, ninguém gosta. Entretanto, por outro lado, a falta de cabelo pode significar mais saúde para os homens. Pelo menos é isso que defende um estudo feito pela Universidade de Washington School of Medicine. Segundo ele, os calvos são menos propensos ao câncer.

Para chegar a esta conclusão, a pesquisa foi feita com dois mil homens com idades entre 40 e 47 anos. Os especialistas analisaram os níveis do hormônio masculino (testosterona) naqueles que perdem os cabelos mais cedo e conseguiram fazer uma relação com um menor risco de tumores. 

No estudo, foi feita uma comparação entre a taxa de tumores nos homens que disseram que seus cabelos começaram a cair por volta dos 30 anos de idade e a taxa daqueles que não têm problemas de calvície. Assim, de acordo com a pesquisa, aqueles que tinham começado a perder os fios no topo da cabeça apresentaram uma redução no risco de câncer de próstata entre 29 e 45%.

Os resultados foram publicados na revista Cancer Epidemiology, porém, ainda causam controvérsia. Para o médico britânico Drº Alison Ross, da Cancer Research, “a ligação entre a calvície e o câncer de próstata ainda é desconhecida porque os estudos precedentes encontraram o oposto a este”. Os estudos prosseguem e só o tempo dirá quem realmente tem razão.