Silval Barbosa entrega 50 casas em Santa Clara, antiga Ponta do Aterro

Vila Bela da Santíssima Trindade, MT – A comunidade de Santa Clara, no município de Vila Bela da Santíssima Trindade (5211 km de Cuiabá) recebeu em festa o governador Silval Barbosa que esteve na manhã de domingo (27.06) participando da solenidade de entrega das 50 unidades habitacionais construídas pelo Governo do Estado. O governador lembrou …

28/06/2010 10:28



Vila Bela da Santíssima Trindade, MT – A comunidade de Santa Clara, no município de Vila Bela da Santíssima Trindade (5211 km de Cuiabá) recebeu em festa o governador Silval Barbosa que esteve na manhã de domingo (27.06) participando da solenidade de entrega das 50 unidades habitacionais construídas pelo Governo do Estado.

O governador lembrou que além das 50 casas em Santa Clara – conhecida também como Ponta do Aterro – o governo já construiu três salas de aula e anunciou que o município de Vila Bela vai receber três ônibus escolares para o transporte de alunos da área rural. Os três ônibus fazem parte do lote de 500 novos ônibus que o governo de Mato Grosso está comprando em parceria com o Ministério da Educação.

O padre Geraldo José dos Santos, 77 anos, há quatro anos trabalhando na localidade, não escondia a satisfação em ver mais essa obra concretizada. Ele conta que devido a distância (200 km de Porto Esperidião, 160 km de Pontes e Lacerda) três empreiteiras desistiram da obra, frente às dificuldades para transporte de material.

Geraldo dos Santos, uma liderança muito querida pela comunidade de Santa Clara, em sua fala durante a solenidade encaminhou um pedido de asfaltamento da MT 265, que leva o nome de Lenine Póvoas. Segundo ele, as 50 novas casas que estão sendo entregues à população irão proporcionar muito progresso e o asfaltamento da MT além de incentivar o desenvolvimento da região vai ajudar o Gefron a combater o tráfico de drogas.

“O governo lembrou de nós. Já construiu três salas de aula na EMB de Ponta do Aterro e agora está entregando essas casas. São famílias carentes que realmente precisavam de apoio. As famílias que estão recebendo as casas foram escolhidas pelo Conselho de Ação Social de Vila Bela”, segundo o padre Geraldo.

O prefeito de Vila Bela, Wagner Vicente da Silveira, disse que a construção do Núcleo Habitacional, com 50 casas, vai receber o nome de Magna Helena Panoff Lacerda que junto com seu marido doaram o terreno no qual foram construídas as casas. A obra vai ajudar a consolidar o centro urbano e vai acomodar melhor essas famílias que são de uma região bastante carente. Além disso, vai fortalecer o movimento para transformar a localidade em Distrito para no futuro emancipar-se política e administravamente.

A dona de casa, Elenir Aparecida Pachori, 23 anos, casada, um filho, é uma das futuras moradoras do novo bairro. Ela conta que está muito feliz por ter sido contemplada e não espera a hora de poder mudar para o novo lar. Atualmente ela e a família moram em uma casa pau-a-pique que fica ao lado do novo residencial.

O governador recebeu o pedido de asfaltamento da MT Lenine Póvoas, assim como também o pedido de asfaltamento do trecho que passa pelo povoado e se comprometeu em colocar no orçamento do próximo ano a obra que passa pela cidade.

REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA – Antes da solenidade em Santa Clara, o governador Silval Barbosa esteve no assentamento Nossa Senhora Aparecida, quando recebeu o pleito de ajuda na regularização das terras, cujo processo está parado no Incra. O governador se comprometeu com a causa das mais de 50 famílias assentadas no local, já que a terra foi doada e precisa apenas ser desmembrada de uma área maior.

REGISTRO – Estiveram presentes na solenidade o deputado federal Pedro Henry, deputados estaduais José Riva, Airton Português e Antônio Azambuja; o prefeito de Vila Bela, Wagner Silveira, e o ex-deputado José Lacerda, representando a família Larceda, doadora da área no qual foi erguida as 50 casas.