Parceria entre governo e OIT possibilitará mapeamento do trabalho infantil em MT

O Governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Trabalho, Emprego, Cidadania e Assistência Social (Setecs), em parceria com a Organização Internacional do Trabalho (OIT) e o Fórum Estadual de Prevenção e Eliminação do Trabalho Infantil (FEPETI/MT) e demais órgãos e entidades ligados à criança e ao adolescente, fará, ainda este ano, um mapeamento …

06/07/2010 09:49



O Governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Trabalho, Emprego, Cidadania e Assistência Social (Setecs), em parceria com a Organização Internacional do Trabalho (OIT) e o Fórum Estadual de Prevenção e Eliminação do Trabalho Infantil (FEPETI/MT) e demais órgãos e entidades ligados à criança e ao adolescente, fará, ainda este ano, um mapeamento do trabalho infantil, suas piores formas e as regiões de maior incidência no Estado, para implementação futura de políticas sustentáveis de prevenção e erradicação do trabalho infantil.

Durante uma oficina de planejamento estratégico, realizada em Cuiabá, nos dias 01 e 02/07, e com participação de representantes do governo federal e da OIT, foram levantados os pontos em comum entre o Plano Estadual e o projeto piloto e definida a realização do mapeamento. O mapeamento integra o projeto piloto de erradicação do trabalho infantil em Mato Grosso, que tem como parâmetro o Plano para Erradicação do Trabalho Infantil do Estado do Mato Grosso referente aos anos de 2009/2010.

PROJETO PILOTO

Realizado através da cooperação horizontal entre o Brasil, sendo Mato Grosso seu representante, e os seguintes países da América do Sul: Bolivia, Equador, Paraguai e Brasil, o projeto piloto tem como foco de ação direta um universo de 2.310 crianças e adolescentes e 420 famílias.