Enfim, a ampliação

Vinte e um anos após a inauguração, em 1989, o Goiabeiras Shopping anuncia sua primeira grande expansão, prevista para começar ainda este ano e terminar no primeiro semestre de 2012. Com a ampliação, o shopping dobra de tamanho: passa de 12 mil metros quadrados (m²) de Área Bruta Locável (ABL) para 24 mil m², o …

03/08/2010 09:44



Vinte e um anos após a inauguração, em 1989, o Goiabeiras Shopping anuncia sua primeira grande expansão, prevista para começar ainda este ano e terminar no primeiro semestre de 2012. Com a ampliação, o shopping dobra de tamanho: passa de 12 mil metros quadrados (m²) de Área Bruta Locável (ABL) para 24 mil m², o número de lojas aumenta de 90 para 200 e as vagas para estacionamento serão ampliadas de 500 para 2 mil. Mais: o fluxo mensal de pessoas transitando pelo shopping aumentará de 80 mil para 150 mil e o número de empregos gerados, saltará de 800 para 1,5 mil. O volume dos investimentos a ser aplicado na obra não foi revelado.

De acordo com o superintendente do shopping, Adilson Marante, a expansão é necessária para atender o crescimento da demanda e às “exigências dos freqüentadores” do shopping. “Temos motivos para avançar na melhoria do shopping, e um deles é justamente o cenário econômico favorável que vivemos atualmente, dentro de um quadro de estabilidade em que os investidores têm mais confiança em investir e os consumidores, em planejar seus gastos”. Marante acredita que o ano da Copa, que coincidiu também com a realização das eleições para presidente, governador, deputado federal e senador, contribuiu para o empreendimento tomar a decisão em um ambiente de crescimento econômico e demanda aquecida. “Qualquer um [candidato a presidente] que ganhar este ano será bom para o Brasil. Acho que o Brasil continuará trilhando os caminhos do crescimento e o governo fazendo a sua parte, ou seja, mantendo a estabilidade econômica e deixando as empresas trabalharem”. (Veja quadro)

NOVIDADES – A expansão contemplará também a construção de torres de escritórios – prédios anexos ao shopping – disponibilizando espaços para empresas de serviço. “Acredito que o projeto de ampliação deixa o empreendimento em condições de atender Cuiabá com eficiência por mais alguns anos”.

Entre as novidades que serão apresentadas no lançamento das obras de expansão, no segundo semestre deste ano – provavelmente até o mês de outubro – está a chegada de um cinema, considerando “o melhor de São Paulo”, na avaliação de Marante, com sete salas no Goiabeiras.

O shopping aumentará também as opções na praça da alimentação, com a construção de restaurantes com ambientes internos – passará de oito para 15 operações nesta área – além de incrementar o seu parque infantil. Junto com mais 110 lojas que estão se preparando para decolar no Goiabeiras, estão pelo menos três grandes “âncoras”, cujos nomes também não são revelados por “questões estratégicas”.

Com a expansão das instalações, o shopping fará automaticamente a ampliação da sua área de estacionamento – que passará de 500 vagas para 2 mil vagas – para atender ao aumento do fluxo de visitantes, que saltará das atuais 2,5 mil pessoas por dia para 5 mil pessoas, após a conclusão da expansão. O fluxo médio mensal previsto é de 150 mil pessoas.

O aumento de lojas, segundo Marante, implicará na geração de novos empregos diretos no shopping. “Geramos hoje cerca de 800 empregos e, com a expansão, esperamos elevar este número para cerca de 1,5 mil nos próximos dois anos e meio”, estima o superintendente.

Ele diz que tudo o que será feito irá ao encontro das necessidades dos clientes do shopping. “O Goiabeiras está muito bem localizado, situa-se em uma área nobre de residências. Mas notamos que já estava pequeno para atender à grande demanda e o fluxo cada vez maior de visitantes”, frisa Marante