Meta de Galindo é asfaltar 100% das ruas

Em quatro meses de administração, o prefeito Chico Galindo (PTB) concentra seus esforços para realizar o maior projeto de pavimentação já realizado em Cuiabá. “Quero terminar meu mandato com 100% de ruas da Capital asfaltadas. Estou trabalhando muito para tornar este sonho em realidade”, planeja o petebista. Para alcançar o que chamou de seu “maior …

15/08/2010 08:23



Em quatro meses de administração, o prefeito Chico Galindo (PTB) concentra seus esforços para realizar o maior projeto de pavimentação já realizado em Cuiabá. “Quero terminar meu mandato com 100% de ruas da Capital asfaltadas. Estou trabalhando muito para tornar este sonho em realidade”, planeja o petebista. Para alcançar o que chamou de seu “maior sonho”, o prefeito busca apoio do governo estadual, federal e da iniciativa privada.

Além disso, o gestor municipal disse aguardar com expectativa o anúncio do governo Federal sobre a destinação dos recursos da segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC II). No dia 30 de setembro, o presidente Lula (PT) deve anunciar o montante que será destinado às cidades contempladas pelo programa. Segundo Galindo, os projetos de saneamento e pavimentação para a Capital demandam quase R$ 1 bilhão. “Esses recursos são muito importantes para garantirmos as mudanças necessárias para a realização da Copa do Mundo de 2014 em Cuiabá”, avaliou.

Depois de “superar”, como ele mesmo diz, episódios espinhosos como o problema do lixo e o PAC I, Galindo se prepara para concluir obras e lançar novos programas. Para 2011, ele conta que não pretende fazer mudanças radicais na administração. Contudo, adianta que irá dinamizar o trabalho das secretarias e contratou um serviço de consultoria que estuda possível fusão ou ampliação das pastas. Apesar da hipótese, o prefeito diz que não fará mudanças no staff.

Neste ano, o prefeito conta que irá concluir uma operação tapa-buraco, em que serão investidos R$ 36 milhões em obras de drenagem e pavimentação asfáltica. Por meio de outro convênio com União e Estado, 43 bairros da Capital receberão recursos da ordem de R$ 20 milhões para obras de drenagem de águas pluviais e pavimentação.

Na relação dos bairros beneficiados constam Jardim Presidente, Tijucal, Nova Esperança 1, Jardim Renascer, Senhor dos Passos, Jardim Gramado, Altos do Coxipó, Altos da Boa Vista, Tancredo Neves e Jardim Alvorada.

Depois da paralisação do PAC I, por conta da Operação Pacenas da Polícia Federal, a Companhia de Saneamento da Capital (Sanecap) passou a atuar nas obras. O prefeito garante que parte delas retornarão no próximo mês.

O PAC na capital está dividido em oito lotes, sendo que no primeiro, está prevista a construção de adutoras e sub-adutoras que beneficiarão os bairros Tijucal, Nova Esperança, São João Del Rey, Pedra 90, Carumbé, Planalto, CPA e adjacências. Esta obra será executada pelo Exército, cujo início está previsto para o mês de setembro, no valor de R$ 18.779.512,61. Outros três lotes retornam as obras em setembro e os quatro que restaram estão em fase de análise do processo licitatório. “Houve um planejamento no início do ano que estamos seguindo à risca”, garante o prefeito.

Mesmo à frente da prefeitura da Capital, Galindo ressalta que não deixa de cumprir suas obrigações político-partidárias. “Minha função é pedir votos para o candidato Wilson Santos e mostrar que ele fez uma administração espetacular da qual estou dando continuidade”, disse. Galindo ainda evita em falar do pleito eleitoral de 2012, quando provavelmente tentará reeleição. “Estou preocupado com o hoje, em fazer uma boa administração”, finalizou