Novos cadastros de empresas e profissionais no Cadastur crescem 60% em 2010

O cadastro de prestadores de serviços turísticos do Ministério do Turismo, Cadastur, teve um aumento de 60,48% em Mato Grosso no ano passado em comparação com o ano de 2009. Em 2010 foram feitos 658 novos cadastros de empresas e profissionais da área do turismo, enquanto que em 2009 foram 410. De acordo com a …

05/01/2011 10:12



O cadastro de prestadores de serviços turísticos do Ministério do Turismo, Cadastur, teve um aumento de 60,48% em Mato Grosso no ano passado em comparação com o ano de 2009. Em 2010 foram feitos 658 novos cadastros de empresas e profissionais da área do turismo, enquanto que em 2009 foram 410.
De acordo com a Lei Geral do Turismo, 11.771/2008, regulamentada em dezembro último, o cadastro no Ministério do Turismo é obrigatório para os meios de hospedagem, organizadoras de eventos, agências de turismo, parques temáticos, acampamentos turísticos e guias de turismo. Opcionalmente, o cadastro pode ser feito também por bacharéis em turismo, centros de convenções, parques aquáticos, estruturas de apoio ao turismo náutico, casas de espetáculo, prestadoras de serviços de infraestrutura para eventos, locadoras de veículos para turistas, prestadoras especializadas em segmentos turísticos.
Além de obrigação legal, o cadastro traz benefícios para o prestador de serviços turísticos, pois demonstra a legalidade do empreendimento ou do profissional e pode ser trabalhado como estratégia de visibilidade, promoção e respeitabilidade no mercado turístico. Com o cadastro atualizado no MTur, a empresa tem acesso ainda a outros benefícios como divulgação e promoção gratuitas em ações desenvolvidas pelo órgão federal, participação em feiras e eventos segmentados e acesso a linhas de incentivo e programas promocionais do Estado e da União.
A coordenadora de Serviços Turísticos da Sedtur-MT, Jackeline Hessmann, afirma que para estimular o cadastramento no sistema do Ministério do Turismo, a equipe da Secretaria realiza visitas in loco nos municípios levando às empresas e profissionais a importância de se cadastrar. Apesar de não ter a obrigação de cadastrar-se no MTur, o setor de restaurantes, cafeterias e bares liderou os novos cadastros do Cadastur neste ano. O ministério atribui esse crescimento ao fato das novas linhas de financiamento para o setor exigirem o cadastro no MTur.
CADASTUR
Podem se cadastrar gratuitamente prestadores de serviços turísticos das seguintes atividades: Agências de viagens, Meios de Hospedagem, transportadoras turísticas, Organizadoras de eventos, Parques Temáticos, Guias de Turismo e bacharéis em turismo. O cadastro pode ser feito durante a ação no município ou na sede da Secretaria de Desenvolvimento do Turismo, em Cuiabá. O Cadastur divulga quem são os prestadores de serviços turísticos habilitados a trabalhar nos mais diversos destinos turísticos brasileiros e a consulta do mercado turístico brasileiro pode ser feita pelo site www.cadastur.turismo.gov.br.
Informações sobre o Cadastur podem ser obtidas pelos telefones da Sedtur (65) 3613-9331 ou 3613-9334 ou ainda pelo e-mail mtur@sedtur.mt.gov.br

O cadastro de prestadores de serviços turísticos do Ministério do Turismo, Cadastur, teve um aumento de 60,48% em Mato Grosso no ano passado em comparação com o ano de 2009. Em 2010 foram feitos 658 novos cadastros de empresas e profissionais da área do turismo, enquanto que em 2009 foram 410.
De acordo com a Lei Geral do Turismo, 11.771/2008, regulamentada em dezembro último, o cadastro no Ministério do Turismo é obrigatório para os meios de hospedagem, organizadoras de eventos, agências de turismo, parques temáticos, acampamentos turísticos e guias de turismo. Opcionalmente, o cadastro pode ser feito também por bacharéis em turismo, centros de convenções, parques aquáticos, estruturas de apoio ao turismo náutico, casas de espetáculo, prestadoras de serviços de infraestrutura para eventos, locadoras de veículos para turistas, prestadoras especializadas em segmentos turísticos.
Além de obrigação legal, o cadastro traz benefícios para o prestador de serviços turísticos, pois demonstra a legalidade do empreendimento ou do profissional e pode ser trabalhado como estratégia de visibilidade, promoção e respeitabilidade no mercado turístico. Com o cadastro atualizado no MTur, a empresa tem acesso ainda a outros benefícios como divulgação e promoção gratuitas em ações desenvolvidas pelo órgão federal, participação em feiras e eventos segmentados e acesso a linhas de incentivo e programas promocionais do Estado e da União.
A coordenadora de Serviços Turísticos da Sedtur-MT, Jackeline Hessmann, afirma que para estimular o cadastramento no sistema do Ministério do Turismo, a equipe da Secretaria realiza visitas in loco nos municípios levando às empresas e profissionais a importância de se cadastrar. Apesar de não ter a obrigação de cadastrar-se no MTur, o setor de restaurantes, cafeterias e bares liderou os novos cadastros do Cadastur neste ano. O ministério atribui esse crescimento ao fato das novas linhas de financiamento para o setor exigirem o cadastro no MTur.
CADASTUR
Podem se cadastrar gratuitamente prestadores de serviços turísticos das seguintes atividades: Agências de viagens, Meios de Hospedagem, transportadoras turísticas, Organizadoras de eventos, Parques Temáticos, Guias de Turismo e bacharéis em turismo. O cadastro pode ser feito durante a ação no município ou na sede da Secretaria de Desenvolvimento do Turismo, em Cuiabá. O Cadastur divulga quem são os prestadores de serviços turísticos habilitados a trabalhar nos mais diversos destinos turísticos brasileiros e a consulta do mercado turístico brasileiro pode ser feita pelo site www.cadastur.turismo.gov.br.
Informações sobre o Cadastur podem ser obtidas pelos telefones da Sedtur (65) 3613-9331 ou 3613-9334 ou ainda pelo e-mail mtur@sedtur.mt.gov.br