Hoje no Peru: Brasil x colombianos

Velocidade e paciência. Essas são duas das principais virtudes que a seleção brasileira sub-20 terá de mostrar na partida contra a Colômbia, hoje, à 11h10 (de Mato Grosso), pela segunda rodada da fase final do Campeonato Sul-Americano, que classifica os dois primeiros colocados para os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, e os quatro melhores …

03/02/2011 09:37



Velocidade e paciência. Essas são duas das principais virtudes que a seleção brasileira sub-20 terá de mostrar na partida contra a Colômbia, hoje, à 11h10 (de Mato Grosso), pela segunda rodada da fase final do Campeonato Sul-Americano, que classifica os dois primeiros colocados para os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, e os quatro melhores para o Mundial, em julho, na Colômbia. O jogo será realizado no estádio Monumental de Arequipa, no Peru.

As lições foram extraídas do primeiro encontro entre as duas equipes, em Tacna, ainda pela fase classificatória. O Brasil venceu por 3 a 1, mas o sofrimento vivido diante da forte marcação colombiana, sobretudo no primeiro tempo, ainda está claro na memória dos brasileiros. “Além de uma defesa bem posicionada, a Colômbia conta com atletas muito fortes. Sem dúvida foi uma partida complicada e temos certeza que agora não será diferente”, explicou o técnico Ney Franco.

BARREIRAS

Uma das soluções encontradas para romper as barreiras adversárias foi vistas durante os últimos treinamentos do Brasil. A comissão técnica insiste para que o meio de campo marque firme e que os atacantes participem, pressionando a saída de bola do rival. “Precisamos lembrar que a Colômbia possui jogadores habilidosos. Essa marcação evita que a bola chegue com qualidade a esses atletas e nos propicia contra-ataques com a defesa deles desarrumada”, explicou o treinador.

E o resultado desse estilo de jogo foi positivo. Depois de um primeiro tempo complicado diante do Chile, na estreia do hexagonal decisivo, a seleção brasileira se distribuiu melhor no gramado, dominou o meio de campo e impôs uma goleada por 5 a 1. Resultado que Ney Franco não atribuiu apenas à técnica ou à tática de seu time. “Estamos muito bem preparados fisicamente. Com isso nosso ritmo não cai no segundo tempo”, destacou. O meia Lucas e o lateral-direito Danilo, que saíram machucados da partida contra o Chile, vão para o jogo.

NEYMAR

A comissão técnica brasileira passou por um susto na manhã de ontem. Isso porque o jornal peruano El Pueblo trouxe a manchete, com chamada na primeira página, que Neymar estaria fora da partida contra os colombianos. De acordo com a reportagem, o cartão amarelo recebido pelo craque no jogo contra o Chile seria o segundo dele na competição, o que acarretaria na suspensão.