Brasil e Estados Unidos assinam acordo de cooperação

A presidente Dilma Rousseff receberá o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, no dia 19 de março, em Brasília. Durante a visita, será assinado um acordo de cooperação contra obstáculos que dificultam os negócios entre os dois países -como barreiras sanitárias, processos alfandegários e normas técnicas.  No entanto, o acordo não prevê reduzir tarifas de …

17/02/2011 08:19



A presidente Dilma Rousseff receberá o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, no dia 19 de março, em Brasília. Durante a visita, será assinado um acordo de cooperação contra obstáculos que dificultam os negócios entre os dois países -como barreiras sanitárias, processos alfandegários e normas técnicas.

 No entanto, o acordo não prevê reduzir tarifas de importação nem aborda algumas das principais reivindicações do Brasil -redução de tarifas ou cotas para açúcar, etanol, calçados, têxteis, retirada de medidas antidumping sobre aço, suco de laranja e camarão, nem eliminação da bitributação.

O encontro de Dilma e Obama será o primeiro depois da posse da presidente. Os dois estiveram juntos quando Dilma era ministra da Casa Civil do governo de Luiz Inácio Lula da Silva, em Washington, durante a 4ª Reunião do Fórum Brasil-Estados Unidos de Altos Dirigentes Empresariais, na Casa Branca. Na época, a então ministra comentou o interesse norte-americano no petróleo encontrado na bacia do pré-sal.

O Planalto também prevê algumas viagens. Na próxima segunda-feira, Dilma poderá atender a um convite feito pelo governador de Sergipe, Marcelo Deda ,e participar do encontro com os governadores do Nordeste, que ocorrerá em Aracaju. Há também previsões de visitas a Pernambuco e Bahia.

Também está sendo planejada uma viajem para Assunção, no Paraguai, no próximo de 27, quando o Tratado de Assunção, que criou o Mercosul, completa 20 anos.