AL reforça verba para construção do maior hospital da América Latina

O Instituto Lions da Visão vai inaugurar o maior hospital oftalmológico filantrópico da América Latina. Construído ao lado do Hospital de Câncer de Cuiabá, o empreendimento foi realizado graças a parcerias. Os deputados estaduais doaram R$ 1.475 milhão e já asseguraram para este ano mais R$ 50 mil em emendas cada um, para a conclusão …

10/04/2011 12:26



O Instituto Lions da Visão vai inaugurar o maior hospital oftalmológico filantrópico da América Latina. Construído ao lado do Hospital de Câncer de Cuiabá, o empreendimento foi realizado graças a parcerias. Os deputados estaduais doaram R$ 1.475 milhão e já asseguraram para este ano mais R$ 50 mil em emendas cada um, para a conclusão das obras. A previsão é que o hospital seja inaugurado em agosto.
O presidente da Assembleia Legislativa, deputado José Riva (PP), informou que o governador em exercício, Chico Daltro assina, ainda hoje, um aditivo de cerca de R$ 400 mil para ajudar no empreendimento, que tem 2,5 mil metros quadrados e capacidade para quatro mil atendimentos por mês. A expectativa é que mensalmente sejam feitas 1,5 mil cirurgias oftalmológicas, mais a doação de mil óculos.
“A Assembleia vai colocar mais R$ 50 mil em emendas de cada deputado. Este setor tem pouca reclamação em função do excelente trabalho que o Lions realiza. Lembro quando o Lions fazia mutirões em Juara, a procura por cirurgia de catarata era muito grande. Portanto, temos certeza de que os recursos são bem empregados”, disse Riva, durante visita à obra, na manhã de hoje.
O presidente do Instituto Lions da Visão, Whady Lacerda, explicou que além de dobrar o número de atendimentos, a intenção é implantar mais três importantes projetos: transplante de córnea; cirurgia de retinoplastia diabética e residência médica. “Já contratamos cinco médicos especializados em retinoplastia. E, se o governador do estado nos ajudar, será implantada a residência médica, especialização que Mato Grosso ainda não dispõe”, informou Lacerda.
Ele conta que as obras começaram há 10 meses, aproximadamente R$ 3 milhões já foram investidos. A previsão é que o hospital seja concluído em 90 dias, prazo que depende do aporte de pelo menos mais R$ 1,4 milhão. Os equipamentos serão fornecidos pelo Lions Internacional.
“É uma obra importantíssima e de cunho social, que dará melhores condições à nossa clientela, que é basicamente do Sistema Único de Saúde. Não atendemos por meio de planos de saúde ou convênio”, acrescentou Lacerda, ao lembrar que graças às emendas parlamentares conseguiram viabilizar a sede própria do hospital. Atualmente, o atendimento é feito numa pequena casa no bairro Baú, em Cuiabá. “É bem pequeno o local. Tanto que estamos com seis mil óculos para entregar, mas não temos local”, argumentou Lacerda.
A visita, que selou a mais uma parceria com Legislativo Estadual, teve também as participações dos deputados Wagner Ramos (PR), J. Barreto (PR), Adalto de Freitas (PMDB), Ezequiel Fonseca (PP), Zeca Viana (PDT), Wagner Ramos (PR), Emanuel Pinheiro (PR) e Luciane Bezerra (PSB).
Além de todos os deputados estaduais da 16ª Legislatura, o Instituto Lions da Visão ainda contou com o apoio de empresas privadas, médicos, Governo do Estado, senadora Serys Marli e deputado federal Valtenir Pereira, dentre outros.
ATIVIDADES
– Mesmo com tantas dificuldades, o instituto realizou em março deste ano, 1.985 consultas em Mato Grosso. Em Cuiabá, foram 1.715, seis em Acorizal e 18 em Peixoto de Azevedo; mais 228 cirurgias e 171 óculos foram entregues. Em Mato Grosso há nove anos, o Lions fez 178.219 consultas; 39.315 cirurgias e doados 103.672 óculos.

Fonte: AL/MT