Indústrias e governo elaboram planos para combater mudança do clima

A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, discutirá com representantes de empresas os planos dos diversos setores da indústria para a redução das emissões de gases do efeito estufa. O workshop, que será realizado nesta quarta-feira, 13 de abril, na sede da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em Brasília, abrirá o ciclo de reuniões entre …

13/04/2011 11:03



A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, discutirá com representantes de empresas os planos dos diversos setores da indústria para a redução das emissões de gases do efeito estufa. O workshop, que será realizado nesta quarta-feira, 13 de abril, na sede da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em Brasília, abrirá o ciclo de reuniões entre iniciativas pública e privada que discutirá os planos setoriais para a Política Nacional de Mudança Climática.

O primeiro encontro reunirá 60 dirigentes e técnicos de federações e associações industriais e representantes do governo. Eles discutirão a regulamentação da política nacional, o financiamento e os desafios de inovação tecnológica para a redução das emissões de gás carbônico.

De acordo com a consultora da CNI Paula Bennati, essa é uma iniciativa pioneira de diálogo do governo com a indústria para elaboração de uma política pública. A ideia é que sejam realizados mais workshops ao longo do ano com objetivo de fechar propostas para os planos setoriais, que devem ser apresentados até 15 de dezembro deste ano, segundo estabelecido no decreto 7.390, de dezembro de 2010. “Vamos apresentar as contribuições que o setor industrial pode dar e pedir contrapartidas do Estado, como financiamentos e incentivos fiscais”, destaca Paula Bennati.

Entre os segmentos que devem ser contemplados nos planos setoriais estão construção civil, química fina e de base, mineração, papel e celulose, bens de consumo duráveis e transportes. A CNI vai elaborar guias de estratégias empresariais com ações para redução das emissões de gases do efeito estufa em cada setor, a exemplo de publicação lançada pela instituição em fevereiro deste ano para o setor industrial. “Esses guias servirão de base para as propostas da CNI. Nessas publicações, as empresas também terão orientações para colocar a questão da mudança do clima na estratégia de negócios”, explica Paula Bennati.

Também participarão do primeiro workshop, cujo tema é Fomento à Economia de Baixo Carbono e Crescimento Verde da Indústria Nacional, a diretora de Relações Institucionais da CNI, Mônica Guimarães, o secretário de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento, do Ministério da Ciência e Tecnologia, Carlos Nobre, e representantes dos ministérios do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e da Fazenda, do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e do Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea).

fonte: Portal do Agronegócio