Bondinho de Santa Teresa volta a circular depois de morte de turista francês

O bondinho de Santa Teresa voltou a circular por volta das 7h deste sábado (25), conforme informou a Secretaria Estadual de Transportes. O serviço foi interrompido na tarde de sexta-feira (24) depois que um turista francês morreu ao cair do veículo quando passava pelos Arcos da Lapa, zona central do Rio. Segundo a secretaria, Charles …

25/06/2011 11:27



O bondinho de Santa Teresa voltou a circular por volta das 7h deste sábado (25), conforme informou a Secretaria Estadual de Transportes. O serviço foi interrompido na tarde de sexta-feira (24) depois que um turista francês morreu ao cair do veículo quando passava pelos Arcos da Lapa, zona central do Rio.

Segundo a secretaria, Charles Damien Pierson, de 24 anos, desceu do bondinho para tirar uma foto, quando se desequilibrou e caiu de uma altura de 15 m na rua Mem de Sá, na Lapa. O francês despencou no chão após passar por um vão na tela de proteção. Ele morreu na hora.

A Polícia Civil busca detalhes da morte do turista. Segundo o delegado adjunto da Delegacia da Mem de Sá (5ª DP), Leonardo Salgado, se for comprovada negligência, o caso pode evoluir para homicídio culposo – quando não há a intenção de matar.

– Vamos apurar tudo e, dependendo do rumo que as investigações tomarem, isso pode ser considerado homicídio culposo. Além disso, parece que a tela de proteção não está em um bom estado de conservação.

As testemunhas ouvidas disseram que é normal ver pessoas andando em pé no veículo. Caso se comprove que isso não é permitido, a polícia vai procurar saber o motivo de não haver fiscalização para alertar os usuários.

– Ouvimos algumas pessoas. Todas elas disseram que é normal andarem em pé. Se isso não for permitido, vamos investigar porque não havia fiscalização.

Em nota, a Secretaria Estadual de Transportes informou que bonde onde estava o turista francês deixou a estação Carioca, no centro do Rio, com 40 pessoas embarcadas, limite máximo permitido, e sem passageiros nas laterais do veículo.

fonte:r7