Opinião – Seria o ESG uma ameaça ao livre mercado?

É difícil questionar um sistema que se tornou hegemônico, considerado a única alternativa de comportamento corporativo capaz de salvar o planeta do próprio homem. Escreve Eduardo Lunardelli Novaes.


Agro Familiar – Governo de MT sanciona leis para fortalecer setor

As novas leis instituem o Fundo de Apoio à Agricultura Familiar e critérios para a manipulação e beneficiamento de produtos de origem animal.


Opinião – Como manipulam o PIB

Foi o que Lula fez no seu primeiro governo. Manipulou o PIB com crédito barato, Fies, empréstimos do BNDES que “aumentou” o PIB do seu governo. Escreve Stephen Kanitz.


Opinião – O grande desafio do agronegócio brasileiro é garantir infraestrutura de armazenagem

O BNDES já tem linhas exclusivas para a montagem de silos, com taxas diferenciadas, o que me parece ainda insuficiente. Escreve Bruno Sampaio.


Opinião – Balanço: propostas do governo falham em atender a necessidades do setor produtivo

A agenda econômica de 2023 apresentou limitações significativas, refletindo uma abordagem que priorizou a estabilidade fiscal. Escreve Leonardo Roesler.


Opinião – O longo prazo e o empreendedor

Os empreendedores podem aprender a resistir à pressão do imediatismo, investindo na construção de um futuro empresarial sólido e recompensador. Escreve Mário Quirino.


Emprego – Segundo Caged, MT fechou 2023 com mais de 53 mil postos de trabalho

Conforme o levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o Mato Grosso fechou o ano com mais de 887 mil empregos.


Opinião – A indústria brasileira se pergunta se 2024 será o ano da virada

Temos capacidade ociosa da indústria, mão-de-obra ainda abundante e com custo não tão elevado, matéria-prima disponível e muita vontade do setor produtivo. Escreve Antonio Lemos.

 


Opinião – Imposto “post mortem”

Diante da aprovação da Reforma Tributária, os Estados que adotam a alíquota fixa deverão modificar seu sistema para cobrar de forma progressiva. Escreve Victor Humberto Maizman.


Opinião – Propaganda enganosa no mercado imobiliário?

Faz-se necessário e urgente que a sociedade seja melhor esclarecida sobre os procedimentos de avaliação de bens imóveis, sobre a prerrogativa da atuação dos engenheiroEscreve Amarilio Mattos Junior.